Mobilidade

Siemens instala 132 carregadores elétricos nas suas instalações

Unidades da Siemens em Alfragide, Corroios e Freixieiro vão ter 132 novos carregadores para veículos elétricos
Texto
Carregadores Siemens (foto: divulgação)
Carregadores Siemens (foto: divulgação)

A Siemens irá instalar 132 carregadores para veículos elétricos nas suas instalações em Alfragide, Corroios e Freixieiro. Este é um passo rumo ao cumprimento dos objetivos da empresa de deter uma frota 100% elétrica até 2030 e a nível global alcançar a neutralidade carbónica das operações.

Para assegurar um carregamento verde a Siemens Portugal irá recorrer à autoprodução fotovoltaica situada em Alfragide, em complemento, a um contrato de abastecimento de eletricidade de origem 100% renovável para o carregamento dos veículos elétricos.

Na nota divulgada à empresa, Fernando Silva, presidente executivo da Siemens Portugal destaca que este “é um passo importante no caminho que traçámos rumo a uma maior sustentabilidade e à diminuição do impacto das nossas operações no ambiente”

A Siemens, enquanto fornecedor global de infraestruturas de carregamento, dá assim um salto para o futuro da mobilidade elétrica ao disponibilizar um elevado número de postos de carregamento nas suas instalações, estimulando a utilização de veículos elétricos pelos colaboradores e visitantes.

siemens - away
Recentemente a Siemens forneceu carregadores elétricos à Engie, em França (foto: divulgação)

Acelerar a sustentabilidade na Siemens Portugal

A Siemens está a desenvolver e implementar, na sede em Alfragide, o projeto Sustainable & Smart Campus. Quando estiver concluído, contribuirá para que o campus sirva como montra tecnológica das várias soluções que a empresa disponibiliza aos seus clientes na área das infraestruturas inteligentes.

À imprensa, a empresa refere que este projeto inclui, por exemplo, um sistema inteligente de controlo da microrrede que vai integrar e otimizar a produção de energia da central fotovoltaica instalada nos telhados de praticamente todos os edifícios, a ligação à rede, a gestão dos vários edifícios, o sistema de armazenamento de energia, o sistema de segurança integrado, bem como a infraestrutura de carregamento de veículos elétricos.

Nos últimos 3 anos (2019 – 2022), a empresa reduziu as emissões de CO2 e os consumos energéticos do seu campus de Alfragide em 20%. Atualmente, 100% da energia consumida em todas as instalações da Siemens Portugal tem origem em fontes renováveis e está em curso a eletrificação da frota automóvel da empresa. Até ao final de 2023, 39% dos automóveis já serão elétricos ou plug-in. Neste âmbito, a Siemens aderiu à iniciativa global EV100, do Climate Group, e, assim, estabeleceu como objetivo a transição da sua frota global para 100% elétrica até 2030.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Vais para o Algarve? Vê se a tua praia perdeu o selo de 'Qualidade de Ouro'
Radares da PSP: é aqui que vão estar na semana de 20 a 26 de maio
5 dicas para usares tecnologia de forma ambientalmente responsável