Sustentabilidade

Em nome do ambiente, alunos de Nelas plantam 105 árvores na região do Dão

Iniciativa decorreu na quinta onde são produzidos vinhos Caminhos Cruzados e pretende sensibilizar para importância das matas
Texto
Crianças plantam árvores no Dão
Crianças plantam árvores no Dão

Duas turmas de alunos do 2.º ano do Centro Escolar de Nelas, distrito de Viseu, foram convidadas a criar uma minifloresta na Quinta da Teixuga, propriedade da empresa vitivinícola Caminhos Cruzados.

A iniciativa pretende sensibilizar todos para a importância da regeneração, preservação e valorização das matas e decorreu no Dia Mundial da Árvore, 21 de março. Está inserida no compromisso do produtor beirão para com um novo programa agroecológico na defesa do meio ambiente.

Com bagas e frutos de muitas cores, que fornecem alimento à avifauna ao longo de praticamente todo o ano, a minifloresta de 105 árvores é um bosque misto ibérico com 10 espécies diferentes da região.

A sua criação segue-se a outras iniciativas levadas a cabo pela Caminhos Cruzados em anos anteriores, nomeadamente ao nível da vinha e dos espaços florestais, no sentido da redução ou eliminação do uso de herbicidas e fitofármacos.

A empresa que se dedica à produção de vinhos do Dão tem apostado em métodos que melhor protegem os recursos naturais (água, solo e biodiversidade) e em novas soluções de embalamento.

A política de sustentabilidade da Caminhos Cruzados compreende também o processo de restauração das matas e espaços florestais para promover o desenvolvimento de medronhais e carvalhais, espécies que representem habitats importantes para o ecossistema da região do Dão, onde a empresa está sediada.

Adicionalmente, a empresa promove a economia circular através da produção de composto de adubos naturais a partir dos restos das podas da vinha e da floresta. Esta ação, que ocorre com o auxílio do microbioma rico dos solos e da manta morta florestal, é “fundamental na regeneração dos solos e resiliência climática e ecológica da vinha, ao mesmo tempo que permite melhorar o terroir dos nossos vinhos”, sublinha Lígia Santos, diretora-geral da Caminhos Cruzados.

(Fotos: divulgação e S. Clarke/Unsplash)

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Ponte Vasco da Gama encerrada ao trânsito na próxima madrugada
O futuro pode não ter sequer volante e vai ser mais sustentável
Combustíveis: gasóleo e gasolina descem segunda-feira... mas pouco