Energia

Japão testa reutilização de baterias de Leaf no transporte ferroviário

Caminhos de ferro japoneses estão a testar baterias usadas de veículos elétricos para operar dispositivos de travessias ferroviárias
Texto
Baterias de Nissan Leaf reutilizadas em caminhos-de-ferro
Baterias de Nissan Leaf reutilizadas em caminhos-de-ferro

O que fazer com as baterias que terminam a sua vida útil em veículos elétricos? Nos últimos tempos, várias empresas têm tentado dar resposta a esta questão. Parece que um dos caminhos é dar uma segunda vida a estas baterias usando-as no transporte ferroviário.

Com o objetivo de reutilizar as baterias, a East Japan Company (JR East), um dos principais operadores de caminhos de ferro do Japão, juntou-se à Nissan para testar a reutilização de baterias antigas de modelos Leaf para operar os dispositivos de travessias ferroviárias, como sinais luminosos, alarmes e barreiras.

Os dispositivos de travessias ferroviárias são essenciais para garantir a segurança, já que são o ponto de contacto entre os comboios e as estradas públicas. Uma vez que têm de estar sempre funcionais, são instaladas unidades de alimentação de emergência, com pilhas de ácido e chumbo, que são ativadas em caso de falha de energia ou quando há trabalhos de manutenção.

Estas baterias de ácido e chumbo estão a ser substituídas por baterias de segunda vida do Nissan Leaf desde 2021, como parte de uma parceria entre a Nissan, a JR East e a 4R Energy Corporation, uma empresa que prepara as baterias de veículos elétricos para serem reutilizadas. Como as baterias de iões de lítio dos elétricos da Nissan retêm 60 a 80% da sua capacidade de armazenamento de eletricidade no final do seu ciclo de vida, podem ser reutilizadas. 

Comparativamente às pilhas de ácido e chumbo, as baterias do Leaf recarregam em um terço do tempo e têm uma vida útil até três vezes superior. A manutenção também é mais simples, uma vez que é possível ver o estado da bateria, assim como fazer a manutenção preventiva através de um sistema remoto. No caso das baterias normalmente usadas nas linhas férreas, a verificação tem de ser presencial.

Descobre como funciona o projeto (vídeo em japonês com legendas em inglês)

Neste momento, a JR East está a testar a utilização das baterias do Nissan Leaf na passagem de nível de Atago, na Linha Jōban que passa na província de Fukushima. As baterias que estão a usar foram reutilizadas pela 4R Energy Corporation, já que esta tem uma parceria com a Nissan e faz as adaptações necessárias para que as baterias possam ter uma segunda vida noutros setores.

Caso se consiga provar que a utilização destas baterias de segunda vida é segura, então a JR East espera alargar a iniciativa para outras zonas e até outros equipamentos.

(Fotos: divulgação)

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Há um novo microcarro elétrico para a cidade que estica e encolhe
Descobre umas telhas que são na verdade pequenos painéis solares
Descobrimos marcas e lojas sustentáveis em Lisboa à boleia do elétrico 28