Mobilidade

Volvo apresenta o seu novo SUV topo de gama: é elétrico e muito tecnológico

EX90 começa a ser fabricado nos Estados Unidos a partir de 2023. Tem mais de uma dezena de sensores e oferece 600 km de autonomia
Texto

O início de uma nova era para a Volvo Cars. O construtor sueco apresenta desta forma o seu novo SUV topo de gama totalmente elétrico EX90, com capacidade para sete ocupantes e tecnologia de segurança inédita na marca.

O EX90 começa a ser produzido nos Estados Unidos em 2023 e é o primeiro de uma série de modelos 100% elétricos que a Volvo promete apresentar, a um ritmo anual, com o objetivo de comercializar apenas automóveis exclusivamente alimentados a baterias até 2030.

Volvo EX90 - AWAY
Volvo EX90

Neste SUV o destaque vai para o nível de segurança que a marca sueca diz ser superior ao de qualquer outro modelo por si construído.

Tal como já havíamos avançado por altura da sua pré-apresentação, está equipado com oito câmaras, dezasseis sensores ultrassónicos, radares e um sensor LiDAR. Equipamentos que têm como objetivo antecipar e/ou corrigir qualquer distração do condutor, de forma a evitar acidentes, assim como melhorar a função de assistência à condução Pilot Assist.

Sensor LiDAR - AWAY
Sensor LiDAR no tejadilho do Volvo EX90

A vasta tecnologia que marca este EX90 está também presente no seu interior. Sensores e câmaras conseguem, por exemplo, avaliar se o condutor está desatento ou cansado, permitindo assim ao automóvel fazer qualquer correção necessária.

O Volvo EX90 está preparado para receber atualizações OTA (à distância) e integra um sistema de infoentretenimento disponibilizado num ecrã central de 14,5 polegadas, com gráficos em alta-definição e Google integrado, embora também suporte Apple CarPlay sem fios. O sistema de som é da Bowers & Wilkins com Dolby Atmos e colunas integradas nos apoios de cabeça.

Interior do novo Volvo EX90 - AWAY
Interior do novo Volvo EX90

Também a merecer especial destaque é o facto deste novo modelo ser construído com materiais reciclados – 15% do aço e do plástico e 25% do alumínio – e de permitir carregamento bidirecional – a sua bateria de 111 kWh pode ser usada como fonte de energia adicional para, por exemplo, carregar aparelhos domésticos ou outro automóvel.

Ainda sobre a bateria, importa referir que esta pode ser carregada de 10% a 80% em menos de 30 minutos e oferece aos EX90 600 km de autonomia.

No que ao sistema de propulsão diz respeito, o novo SUV topo de gama da Volvo monta dois motores elétricos com uma potência combinada de 380 kW (517 cv), o que lhe confere tração às quatro rodas.

Em nota de imprensa, a Volvo Car Portugal dá conta de que anunciará, em breve, os preços e as versões disponíveis no mercado nacional.

(Fotos: divulgação)

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Sabias que 1 em cada 4 EV utilizam baterias da Coreia do Sul?
Preço da gasolina e do gasóleo desce na próxima segunda-feira. Vê aqui
Autocarro português a hidrogénio está a chegar à Europa