Energia

GreenVolt entra na Islândia com parque eólico de grande escala

A Islândia aposta 100% nas energias renováveis e quer atingir a neutralidade carbónica até 2040
Texto
Parque eólico (Foto: Fabian Wikt/Pexels)
Parque eólico (Foto: Fabian Wikt/Pexels)

A GreenVolt vai desenvolver o primeiro parque eólico utility scale (de grande escala) da Islândia, num projeto que deverá ter uma capacidade instalada de 90 MW.

O parque eólico irá ser instalado através da subsidiária polaca V-Ridium e pretende ser mais um passo importante na consolidação do mercado de energias 100% renováveis da ilha nórdica, indo assim ao encontro dos objetivos do governo local em termos de sustentabilidade.

"A Islândia é uma referência mundial em termos de energias renováveis. (...) Este projeto marca a chegada da GreenVolt a mais um mercado, prosseguindo a sua estratégia de crescimento global", afirma João Manso Neto, CEO da GreenVolt, em comunicado.

A Islândia pretende atingir a neutralidade carbónica até 2040 e, por isso, aproveita as vantagens dos seus vastos recursos naturais para produzir 100% eletricidade de fontes renováveis. Neste momento o país nórdico produz 75% de energia de fontes hídricas e 25% de fontes geotermais, tendo ainda planos para breve de projetos de produção de hidrogénio verde e de captura de carbono.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Plano da União Europeia vai ajudar a salvar as abelhas
Base logística do Intermarché já tem painéis solares fotovoltaicos
Antártida tem um novo iceberg 15 vezes maior do que Lisboa