Energia

Preço dos combustíveis para a próxima semana de 7 a 13 de novembro

A próxima semana traz descidas nos combustíveis. O preço do gasóleo deverá baixar 4 cêntimos e o da gasolina 3 cêntimos
Texto
Preço dos combustíveis
Preço dos combustíveis

O preço dos combustíveis para a próxima semana de 7 a 13 de novembro apresenta uma tendência de descida, de acordo com as nossas fontes. Embora o petróleo esteja a subir, o preço do gasóleo irá descer 4 cêntimos e o preço da gasolina vai baixar 3 cêntimos face à semana passada. 

Assim, de acordo com a previsão da AWAY de evolução do preço dos combustíveis a partir da próxima segunda-feira, dia 7 de novembro, podemos avançar que o preço de venda ao público do gasóleo simples deverá descer 4 cêntimos por litro (0,04 euros/litro) e o preço de venda ao público da gasolina simples 95 deverá descer 3 cêntimos por litro (0,03 euros/litro).

Em consulta diária aos dados da Direção-Geral de Energia e Geologia (DGEG) podemos verificar que depois da ligeira descida na passada semana do preço do gasóleo e da gasolina, os combustíveis desceram ligeiramente durante toda a semana, tendo sido registado ontem, dia 3 de novembro o preço médio do gasóleo simples de 1,936 euros por litro e o preço médio da gasolina simples 95 de 1,812 euros por litro.

Estes preços médios são referentes a dados fornecidos à DGEG por mais de 2424 e 2416 postos a nível nacional, respetivamente referentes a gasóleo e gasolina simples, e já incluem os preços praticados com descontos.

A descida no preço dos combustíveis acontece apesar de o petróleo estar a subir cerca de 2,5% hoje. A cotação do petróleo Brent de referência ao mercado nacional está hoje dia 4 de novembro a rondar 97,5 dólares por barril (dados OilPrice às 12h).

A ajudar a tendência de descida de preço dos combustíveis está o desbloqueio mais uma vez dos cereais que aparenta ter acalmado os mercados e ter contribuído para a descida nos preços das matérias-primas. 

Preço dos combustíveis: como fazemos a nossa previsão

A previsão da AWAY é feita dia 4 de novembro tendo por base o acompanhamento diário do mercado, a evolução do preço do Brent, análise de tendência e consulta privada a fontes do setor de revenda de combustível.

Relembramos que os operadores e postos de combustível são livres de praticar o preço que desejam, tendo apenas que cumprir as obrigações em termos de imposto.

Assim, deverás sempre verificar na tua zona quais os melhores preços e não esquecer que há várias gasolineiras com preço “low cost” e outras com acordos via cupões, cartões e outros descontos associados que baixam o preço final dos combustíveis.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Cortiça portuguesa no interior dos elétricos Mobilize
Autocarro português a hidrogénio está a chegar à Europa
Maior central híbrida solar e hidroelétrica de África está a nascer no Gana