Sustentabilidade

Chocolate KitKat passa a usar cacau de origem mais sustentável

Favas de cacau usadas são produzidas por famílias apoiadas por programa da Nestlé
Texto
KitKat apoia comunidades produtoras de cacau (foto: divulgação)
KitKat apoia comunidades produtoras de cacau (foto: divulgação)

A KitKat mudou o cacau que utiliza. Agora, utiliza favas de cacau cultivadas por famílias apoiadas pelo “Income Acelerator Program” que pretende tornar mais justa a produção deste bem, no seu chocolate

O programa da Nestlé, grupo dono da KitKat, já tem dois anos e foi criado para colmatar o défice de rendimento das famílias produtoras de cacau, reduzir riscos de trabalho infantil e promover a igualdade de géneros, capacitando as mulheres. As famílias produtoras recebem um apoio monetário pela implementação de boas práticas, tais como colocar os filhos na escolha.

Também focado na sustentabilidade, o “Income Acelerator Program” promove práticas de agricultura regenerativa.

Um dos pilares do programa é atenuar o impacto das alterações climáticas e promover a biodiversidade incentivando à plantação de árvores florestais nas plantações de cacau.

Desde janeiro de 2022 que esta iniciativa da Nestlé já apoiou 10 mil famílias na Costa do Marfim. O objetivo é expandir para o Gana, chegando a 30 mil famílias. Até 2030, o objetivo é ajudar cerca de 160 mil famílias produtoras de cacau.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Parte do plástico em Portugal é reciclado com recurso a energia solar
Vais comprar pão? 6 dicas para aproveitares até à última migalha
Quanto tempo demora o Citroën ë-C4 X a percorrer 1000 quilómetros?