Energia

Galp consolida posição na energia solar ibérica com total controlo da Titan

Portuguesa adquiriu por 140 milhões de euros o último quarto do capital que lhe faltava. Objetivo é ter maior controlo
Texto
Galp adquire totalidade da empresa de energia solar Titan
Galp adquire totalidade da empresa de energia solar Titan

A Galp passou a deter o controlo total sobre a empresa espanhola dedicada à produção de energia solar, Titan 2020, agora que adquiriu os 24,99% das ações que lhe faltavam, por um valor total de 140 milhões de euros.

A participação que ainda não era detida pela energética portuguesa foi adquirida à Cobra, empresa que tinha tomado a posição anteriormente detida pelo Grupo ACS. Esta última formou com a Galp a joint venture que deu origem à Titan em setembro de 2020.

Todos os projetos de centrais fotovoltaicas da Titan estão localizados em Espanha. Atualmente a empresa tem uma capacidade de 1,15 GW em funcionamento, sendo que existem outros projetos em diferentes fases de desenvolvimento. Até 2024, a Titan espera ter em operação uns adicionais 1,6 GW.

Em comunicado, a Galp salienta que a aquisição da totalidade da Titan – companhia que detém uma parte significativa da carteira de renováveis da Galp em território ibérico – lhe irá permitir ter um maior controlo e mais opções sobre o seu desenvolvimento.

O investimento na empresa espanhola insere-se na estratégia da Galp de ampliação da capacidade de produção de energia renovável. A empresa nacional ambiciona ter mais de 4 GW de capacidade operacional até 2025 e, até ao final da década, chegar aos 12 GW.

(Fotos: divulgação)

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Bolt já fez mais de 600 mil quilómetros com animais a bordo em Portugal
Radares da PSP: vê onde vão estar na próxima semana de 22 a 28 de abril
Mundo vive branqueamento em massa de corais pela segunda vez em 10 anos