Sustentabilidade

Da garrafa para as plantas. 5 maneiras de reutilizar rolhas de cortiça

Sabias que as tuas rolhas de cortiça podem ser reutilizadas na jardinagem? Explicamos como
Texto
Rolha de cortiça (foto: Elisha Terada/Unsplash)
Rolha de cortiça (foto: Elisha Terada/Unsplash)

Depois de acabar uma garrafa de vinho, o que se faz com as rolhas de cortiça? O destino mais comum é o caixote do lixo, mas não precisa de ser. Afinal, têm várias utilidades além de servirem para fechar garrafas, especialmente para quem gosta de jardinagem.

As rolhas de cortiça, provenientes da casca dos sobreiros, são excelentes aliadas no cuidado das plantas, tanto no jardim como nos vasos de interior. A revista francesa Positivr explicou como é que se pode usar de forma inteligente as rolhas para apoiar o crescimento das plantas de forma sustentável.

5 utilidades das rolhas de cortiça para ajudar ao crescimento das plantas

Regular a humidade do solo

As rolhas de cortiça são muito boas para controlar a humidade do solo. Se vives numa zona muito chuvosa ou se tens tendência a dar demasiada água às tuas plantas, então experimenta usar uma rolha que funciona como promotora da drenagem do solo.

A cortiça auxilia na arenação do solo, prevenindo o apodrecimento das raízes e as suas propriedades antimicrobianas impedem o desenvolvimento de bolores.

Funcionam como reservatórios de água

Se vais estar fora sem hipótese de regares as tuas plantas, então experimenta usar uma rolha como reservatório de água. Faz da seguinte forma:

  • Perfura uma rolha e coloca-a numa garrafa cheia de água;
  • Vira a garrafa para baixo e insere-a no solo, com a rolha enfiada na terra.

Este sistema garante rega gota a gota ao longo de vários dias.

Rolha de cortiça - AWAY
Rolhas não precisam de acabar no lixo (foto: Marcelo Leal/Unsplash)

Repelente natural de mosquitos

Nada é mais desagradável do que ver muitos mosquitos à volta das plantas. Para repelir estes insetos indesejados, coloca várias rolhas na base das plantas. A cortiça funcionará como uma barreira natural contra os insetos, impedindo que cheguem às raízes e folhas das plantas, reproduzindo-se no solo.

Ajuda as plantas a adaptarem-se à variação de temperatura

A cortiça cria uma espécie de microclima em torno das raízes da planta, protegendo-a do excesso de calor ou frio. Desta forma, as plantas têm menos risco de congelar ou secar. Além disso, a cortiça permite a passagem de ar pela base das plantas, enriquecendo o ambiente com oxigénio e trazendo bactérias e fungos benéficos.

Ajuda a preservar o solo

Se tens uma horta, podes utilizar rolhas para proteger o solo, tal como se faz com fibras de coco ou cascas de nozes. Basta esmagar as rolhas e colocar por cima do solo. A cortiça reduz a evaporação da água, retém a humidade do solo e evita o aparecimento de ervas daninhas. Com o tempo, a cortiça decompõe-se lentamente, nutrindo o solo de forma sustentável.

Feito em parceria com o Portal IOL.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Estes iates de sonho a energia solar vão ser feitos com garrafas de plástico
Empresa portuguesa vai construir central de energia solar de 19 milhões de euros
5 formas de aproveitares as borras de café e dar-lhes uma nova vida