Mobilidade

Jovens da Geração Z são os que mais pesquisam antes de comprar automóvel

Estudo da CarGurus revela que são também os mais abertos a considerar diferentes opções de tipo de veículo, marca, estado, e tipologia de aquisição
Geração Z é a que mais pesquisa antes de comprar carro
Geração Z é a que mais pesquisa antes de comprar carro
PUB

Um estudo conduzido pela CarGurus, plataforma online de comercialização de automóveis com forte presença nos Estados Unidos e Reino Unido, revelou que os jovens entre os 18 e os 24 anos, a chamada Geração Z, são os que mais pesquisam antes de avançarem para a compra de um veículo.

Também por esse motivo, são os que estão dispostos a esperar mais tempo para efetuar uma compra – sete semanas em média, contra quatro semanas e meia para os adultos entre os 40 e os 54 anos.

PUB

As conclusões foram obtidas a partir de um inquérito realizado junto de 1512 pessoas que compraram um carro no Reino Unido nos últimos quatro meses, o qual foi segmentado a nível etário pelas classificações típicas: Geração Z (18 a 24 anos), Millennials (25 a 39 anos), Geração X (40 a 54 anos) e Baby Boomers (55 a 65 anos).

PUB

Embora os compradores da Geração Z demonstrem uma maior urgência na aquisição de um veículo, são o grupo no qual se verifica existirem mais dúvidas ou hesitações. Face aos restantes, o grupo que representa a próxima geração de compradores de automóveis é o que menos revela inclinação para uma marca ou modelo específicos, estando, assim, mais aberto a estudar todas as opções. Apenas 43 por cento estavam certos do tipo de veículo que iam comprar, ao passo que a média registada nas restantes faixas etárias foi de 63 por cento.

PUB

A marca do veículo (29% da Geração Z vs 47% em média), o dinheiro que estavam dispostos a gastar (35% da Geração Z vs 57% em média), se comprariam novo ou usado (48% da Geração Z vs 70% em média) e se comprariam ou fariam um contrato de aluguer – ex. renting – (51% da Geração Z vs 68% em média) foram outras das decisões com as quais os jovens entre os 18 e os 24 anos se debateram.

Isso ajuda a explicar o facto dos pertencentes à Geração Z terem sido os que mais visitaram diferentes pontos de venda e de, mesmo já nos locais, ter sido entre estes que se registou uma maior percentagem da utilização do telemóvel para efetuar pesquisas de última hora (57% contra apenas 37% entre os Baby Boomers.

Continuar a ler
Home
Cidades
Novas cidades no mundo fazem disparar investimentos
Mobilidade
Veículo elétrico: Stress ou anti-stress?
Evasão
Sugestão de viagem: os 10 castelos mais visitados