Energia

Baterias usadas de Jaguar I-Pace alimentam 750 casas no Reino Unido

Projeto da Jaguar Land Rover quer assegurar energia para alimentar 750 casas até final de 2023
Texto
Baterias JLR vão fornecer energia a casas em Inglaterra (fotomontagem)
Baterias JLR vão fornecer energia a casas em Inglaterra (fotomontagem)

Baterias de carros elétricos usadas, o que fazer com elas? Assegurar eletricidade a habitações através de armazenamento de energia renovável é uma opção e a JLR já tem um projeto em curso.

O grupo Jaguar Land Rover (JLR) estabeleceu uma parceria com a Wykes Engineering Lt, empresa do setor das energias renováveis, para estabelecer um dos maiores sistemas de armazenamento de energia do Reino Unido e aproveitar assim a energia solar e eólica através da reutilização das baterias de veículos elétricos Jaguar I-Pace.

O sistema de armazenamento de baterias desenvolvido pela Wykes Engineering utiliza 30 baterias I-Pace reutilizadas e pode armazenar até 2,5 MWh de energia na sua capacidade máxima.

jaguar - away
Baterias do Jaguar I-Pace armazenadas (foto: distribuição)

O objetivo é fornecer as baterias necessárias para armazenar um total de 7,5 MWh de energia renovável, o suficiente para alimentar 750 casas durante um dia, até final de 2023.

As baterias recuperadas (com capacidade residual de 70% a 80%) são oriundas de protótipos e veículos de teste/ensaios de engenharia e a sua utilização resulta de uma parceria técnica entre a JLR e a Wykes que permite que as mesmas sejam apenas retiradas dos veículos e colocadas nos contentores das instalações, sem necessidade de remover módulos ou alterar algo, o que permite aumentar a sustentabilidade do projeto.

jaguar - away
Jaguar I-Pace (foto: divulgação)

O sistema de armazenamento de energia está ligado à National Grid que poderá fazer face a períodos de pico ou maximizar a recolha de energia solar e eólica, assegurando fornecimento de energia limpa.

De acordo com dados da consultora McKinsey, o fornecimento das baterias recuperadas para aplicações fixas, como o armazenamento de energia renovável, poderá exceder 200 gigavolts/hora antes de 2030, o que irá gerar um valor global superior a 30 mil milhões de dólares (27,8 milhões de euros)..

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Clássico Renault 5 renasce em versão elétrica e moderna
Preço dos combustíveis na próxima semana de 4 a 10 de março
Já podes carregar o teu cartão de transporte Navegante com o smartphone