Energia

Apoio para painéis solares ou janelas mais eficientes acaba dia 31

O programa de apoio a edifícios mais sustentáveis tem candidaturas abertas até final do mês
Texto
Instalar painéis solares (foto: Sevipetro/Freepik)
Instalar painéis solares (foto: Sevipetro/Freepik)

Instalar painéis solares, janelas mais eficientes ou aparelhos de ar condicionado com melhor eficiência energética, são alguns dos projetos que podes ver realizados através do programa específico do Fundo Ambiental comparticipado pelo Estado. Mas, se ainda não o fizeste, só já tens até dia 31 de outubro para te candidatar.

O Programa de Apoio a Edifícios Mais Sustentáveis, que comparticipa soluções que promovam a eficiência energética, está a entrar na fase final para candidaturas, que terminam a 31 de outubro. Até lá é possível preencheres o formulário de candidatura disponível no site do Fundo Ambiental (aqui).

Este programa tem como objetivo financiar medidas que promovam a reabilitação, a descarbonização, a eficiência energética e hídrica, bem como a economia circular.

Com o lançamento desta medida o Estado espera que os apoios contribuam para a redução de - em média - pelo menos 30% do consumo de energia primária nos edifícios intervencionados. Um contributo para a redução da fatura e da dependência energética do país e para a redução de emissões de gases com efeito de estufa, promovendo simultaneamente a melhoria dos níveis de conforto para os utilizadores.

De acordo com o publicado pelo Ministério do Ambiente e Ação Climática, até à passada terça-feira, foram apresentadas mais de 48 mil candidaturas a este programa (48 414). A modalidade de sistemas e equipamentos eficientes (onde se enquadram, por exemplo, equipamentos de ar condicionado) é aquela que tem recebido mais candidaturas (22 404). Segue-se a instalação de painéis fotovoltaicos (16 831) e de janelas eficientes (8349).

Lisboa é o distrito com mais candidaturas (7244), seguindo-se o Porto (6975) e Braga (5342).

Para esta fase do programa está disponível um orçamento de 30 milhões de euros. A avaliação das candidaturas apresentadas terá início em janeiro de 2024.

O Programa de Apoio a Edifícios Mais Sustentáveis é um investimento no âmbito da Eficiência Energética em Edifícios Residenciais do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR).

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Hyundai apresenta primeiro camião a hidrogénio com condução autónoma
Segurança rodoviária: 9 peças de roupa a evitar quando se está ao volante
Projeto português cria vidro que produz eletricidade a partir da luz solar