Smartcity

Serão as florestas urbanas a solução para cidades mais amigas do ambiente?

Paris está agora a criar florestas urbanas em grandes rotundas
Texto
Plantar árvores (foto: N. Buscher/ Unsplash)
Plantar árvores (foto: N. Buscher/ Unsplash)

Numa tentativa de se tornar uma cidade mais verde, Paris está a avançar com a criação da sua primeira floresta urbana numa rotunda muito movimentada. Este poderá ser a primeira de muitas rotundas a receber centenas de árvores.

Este inverno, a capital francesa vai plantar 478 árvores na Place de Catalogne, perto da estação de comboios Gare Montparnasse, uma rotunda onde milhares de carros passam diariamente. Apesar de recentemente já ter sido transformada numa zona segura para ciclistas, agora vai tornar-se uma pequena floresta urbana.

Este projeto-piloto, que deverá ficar concluído até junho de 2024 e que servirá de exemplo para outros noutras zonas da cidade, surge com o objetivo de diminuir o barulho e a poluição, e ajudar no combate contra as alterações climáticas.

De acordo com a presidente da Câmara, Anne Hidalgo, em declarações à Reuters, as temperaturas dentro deste pequeno oásis verde deverão ser mais baixas cerca de 4 graus. “Há também algum trabalho na reciclagem de água da chuva, e aqui, poderemos reutilizar a chuva para poder regar, manter e permitir que a floresta urbana prospere”, referiu.

No último inverno, foram plantadas em Paris cerca de 25 mil árvores e, nos últimos dois anos, várias estradas com escolas foram fechadas ao trânsito e foram criados miniparques, referiu a Câmara local à Reuters. Também têm sido construídas ciclovias ao longo da capital francesa.

O objetivo é plantar 170 mil árvores entre 2020 e 2026, sendo que até agora já foram plantadas 63 mil.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Dicas para enfrentar o frio sem gastar muito dinheiro
Um dos relógios mais sustentáveis é feito com materiais reciclados
E se pudesses comer a colher? Esta é em bolacha impressa em 3D