Mobilidade

Dois terços dos europeus acham informação sobre elétricos demasiado confusa

A linguagem mais técnica, específica e recente sobre automóveis elétricos ainda baralha a maioria dos condutores europeus
Estudo europeu mostra que informação de elétricos pode ser confusa
Estudo europeu mostra que informação de elétricos pode ser confusa

A eletrificação parece ter vindo para ficar, mas até se dar o passo para uma nova tecnologia, é necessário aprender o máximo possível sobre a mesma. E, para quem conduz um automóvel com motor de combustão há algumas décadas, esta tarefa pode não ser tão simples como o esperado.

Num estudo europeu recente realizado pela Honda Motor Europe e que envolveu mais de cinco mil condutores europeus, foi descoberto que perto de dois terços (61%) acham as pesquisas sobre modelos elétricos e híbridos demasiado confusas.

As razões apontadas são a linguagem demasiado técnica (40%), a ausência de relatos de utilizadores na vida real ou experiências na primeira pessoa (31%) e o palavreado demasiado vago (30%).

Entre as diversas opiniões recebidas, foi constatado que mais de metade dos condutores concordam que a eletrificação é mesmo o futuro do mundo automóvel, com uma grande percentagem a equacionar compra de um destes modelos nos próximos anos. Ainda assim, um em cada dez condutores admite não ter paciência para aprender mais coisas sobre este mundo.

A grande verdade é que, para muitos dos inquiridos, este ainda é um mundo complexo e pouco explorado. Cerca de 27% destes condutores acredita que a autonomia de um automóvel elétrico não é compatível com a sua rotina e quase um quarto destes acha que a manutenção destes modelos é dispendiosa. Quase dez por cento de condutores acredita que quando um híbrido se encontra em modo puramente elétrico, não se podem usar sistemas como o rádio, o aquecimento ou o ar condicionado.

Estas ideias fazem com que mais de um terço dos condutores não sinta confiança suficiente para optar por um automóvel elétrico com o seu grau de conhecimento atual.

Para tentar atenuar um pouco esta questão, a Honda criou uma nova ferramenta online que tenta atuar como um compêndio de ideias e tecnologias explicadas de uma forma simples. O e:TECHNOLOGY Translator conta com a presença de diversos utilizadores de veículos híbridos ou totalmente elétricos, com o objetivo de esclarecer todas as dúvidas dos mais curiosos.

Esta ideia chega numa fase em que a marca japonesa continua a ver a sua gama a crescer. Depois do Honda e, totalmente elétrico, e das versões híbridas do Jazz, Jazz Crosstar e CR-V, aguarda-se agora a chegada das novas gerações do HR-V e do Civic que também vão incluir versões híbridas e que fazem parte do plano da marca de eletrificar as suas principais gamas até ao final do próximo ano.

(Fotos: Honda)

Continuar a ler
Home
Elétrico, radical e inovador, conhece este fantástico triciclo
Preço de gasóleo e gasolina volta a descer amanhã
E-bike analisa o nível de poluição no ar enquanto pedalas