Energia

Governo volta a aumentar a taxa de carbono nos combustíveis

O executivo anunciou a manutenção, em julho, do ISP dos combustíveis um aumento na taxa de carbono
Texto
Combustíveis (foto: FxQuadro/Freepik)
Combustíveis (foto: FxQuadro/Freepik)

O preço dos combustíveis irá sofrer um novo aumento com a atualização da taxa de carbono anunciada pelo Governo no início desta semana.

O Ministério das Finanças anunciou que irá manter-se o desconto no imposto sobre os produtos petrolíferos (ISP) dos combustíveis, mas atualizou a taxa de carbono em dois cêntimos no gasóleo (0,02 €/litro) e 1,8 cêntimos na gasolina (0,018 €/litro).

Assim, em julho, o desconto no ISP traduz-se em 13,1 cêntimos por litro no gasóleo (0,131 €/litro) e de 15,3 cêntimos por litro na gasolina (0,153 €/litro), a que se soma a atualização - dois cêntimos no gasóleo (0,02 €/litro) e 1,8 cêntimos na gasolina (0,018 €/litro) - do adicionamento sobre as emissões de CO2 (taxa de carbono), que foi iniciado em maio.

  • A redução da carga fiscal em julho, segundo o comunicado, passa a ser de 25 cêntimos por litro de gasóleo (0,25 €/litro) e de 27 cêntimos por litro de gasolina (0,27 €/litro).

Em junho, a redução tinha sido de 28 cêntimos por litro de gasóleo (0,28 €/litro) e de 30 cêntimos por litro de gasolina (0,30 €/litro).

O executivo anunciou que mantém também em julho a redução do ISP aplicável ao gasóleo agrícola, de seis cêntimos por litro (0,06 €/litro).

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Vais poder andar de táxi aéreo em breve. Primeiro eVTOL já foi entregue a cliente
Podes ser multado por levares o teu cão sem cinto de segurança no carro? Conhece as regras
Mais uma marca chinesa em Portugal. XPeng chega já este ano