Sustentabilidade

Alterações climáticas: Amazónia enfrenta pior seca desde que há registo

Seca já deixou rios na Amazónia quase sem caudal e matou dezenas de animais
Texto
Seca na Amazónia (foto: Edmar Barros/AP)
Seca na Amazónia (foto: Edmar Barros/AP)

A seca chegou à floresta da Amazónia e o pulmão do mundo, como é chamada, enfrenta o pior período com falta de água desde que há registo.

Num novo estudo do World Weather Attribution, citado pela Reuters, é referido que na origem da seca que está a secar rios, matar espécies de golfinhos em risco e a prejudicar a vida de milhões de pessoas, estão as alterações climáticas.

As subidas de temperatura contribuíram para menos chuva e para a situação de seca que se vive na maior floresta tropical do mundo.

A situação deverá piorar ao longo de 2024, alertam os cientistas, salientando que é essencial proteger a Amazónia por esta captar uma grande quantidade de gases com efeito de estufa.

Citados pela Reuters, os cientistas explicaram que a seca poderá aumentar o risco de incêndios florestais, o que juntamente com a deflorestação e com as alterações climáticas, pode empurrar a Amazónia para um ponto sem volta, fazendo com que deixe de ser a floresta tropical que é.

Um dos maiores rios da Amazónia chegou ao ponto mais baixo desde que se começaram a registar os valores em 1902.

Esta e outras notícias do TVI Jornal no TVI Player.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Sabes quais são os equipamentos elétricos com maior impacto ambiental?
Cemitérios a produzir energia solar? Projeto está a nascer em Espanha
Hyundai apresenta primeiro camião a hidrogénio com condução autónoma