Atualidade

Vendas automóveis 2023: elétricos e híbridos já representam 47,9%

Mercado automóvel em 2023 com valores abaixo de 2019, pré-pandemia, mas melhor que o ano passado
Texto
Vendas de automóveis em Portugal (foto: Antoni S./Pexels)
Vendas de automóveis em Portugal (foto: Antoni S./Pexels)

O mercado automóvel está a mudar e os números demonstram a realidade: 15,8% das matrículas novas registadas em janeiro e fevereiro de 2023, em Portugal, corresponderam a veículos automóveis ligeiros 100% elétricos (BEV). Em termos globais o mercado regista um aumento de 36,2% face a 2022, mas uma descida de 13,0% face a 2019.

De acordo com os dados divulgados pela Associação Automóvel de Portugal (ACAP), o mercado automóvel em janeiro-fevereiro registou um total de matrículas de 47,9% de veículos ligeiros de passageiros movidos a tecnologia híbrida ou elétricos.

De entre os veículos com energia alternativa, o destaque vai para os híbridos com 17,1% do total de matrículas neste setor, seguido dos 100% elétricos, com 15,8%, híbridos plug-in com 10,8% e outros com 4,2%.

grafico ACAP

O total de vendas de janeiro a fevereiro de 2023 revela que a preferência dos portugueses se mantém nos veículos a gasolina com 36% e o gasóleo continua a descer, representando apenas 16,1% do total dos veículos matriculados.

Em fevereiro de 2023 foram matriculados 18.518 veículos automóveis, mais 30,4% do que em 2022, mas ainda 16,1% abaixo dos números de 2019 (pré-pandemia).

No acumulado do ano, ou seja, de janeiro a fevereiro de 2023 foram colocados em circulação 35.973 veículos novos, o que representa um crescimento de 36,2% face a 2022, mas uma diminuição de 13,0% relativamente ao mesmo período de 2019.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Hyundai apresenta primeiro camião a hidrogénio com condução autónoma
Segurança rodoviária: 9 peças de roupa a evitar quando se está ao volante
Projeto português cria vidro que produz eletricidade a partir da luz solar