Sustentabilidade

Skoda aposta na proteção da biodiversidade para promover sustentabilidade

Marca checa apresenta os seus projetos criados para desenvolver a fauna e a flora em zonas onde opera
Skoda apresenta projetos de biodiversidade
Skoda apresenta projetos de biodiversidade

Para assinalar o Dia Internacional da Biodiversidade, que se celebrou a 22 de maio, a Skoda deu a conhecer alguns dos seus projetos destinados a promover a preservação da fauna e da flora em redor das suas fábricas.

Estes projetos sustentáveis fazem parte de três áreas centrais de sustentabilidade definidas pela marca: a Green Factory, a Green Product e a Green Retail, todas ao abrigo estratégia Green Future, criada com o objetivo de promover a sustentabilidade ao longo da cadeia de valor.

É na República Checa, país de onde o fabricante é originário, que grande parte das medidas ambientais são promovidas. Os arredores das três fábricas da Skoda no país checo são o habitat de cerca de 356 mil plantas em flor, 1128 árvores e, à volta, 470 arbustos crescem sobre uma área de cerca de 23 mil metros quadrados.

Este ano, o construtor automóvel já anunciou que irá construir casas de pássaros, abrigos de insetos e ninhos de abelhas nos arredores da sua sede em em Mladá Boleslav e Vrchlabí.

Desde 2007, o fabricante de automóveis tem honrado o compromisso de plantar uma semente por cada veículo vendido, na República Checa, como parte do seu projeto "Um carro, uma árvore". Até ao final de outubro de 2021, a empresa plantou um milhão de árvores. Para 2022, pretendem plantar perto de 80 mil árvores.

Também na Índia, a empresa tem procurado ter um impacto mais positivo a nível ambiental e de biodiversidade. A Skoda Auto Volkswagen India Private Limited (SAVWIPL), a subsidiária Indiana do grupo Volkswagen a que pertence a Skoda, tem um parque ecológico perto da fábrica, em Chakan, e um parque de oxigénio, como lhe chama, na sua sede em Shendre.

A SAVWIPL também apoia o projeto do Mangrove e da Fundação de Conservação da Biodiversidade Marinha (MMBCF), na Índia, que tem o objetivo de conservar a água e o solo e utilizar os métodos tradicionais e sustentáveis de cultivo nas práticas agrícolas. Para proteger a vida marinha e prevenir a erosão costeira, vão ser plantados mais de 580 mil mangais até 2027. 

Continuar a ler
Home
Combustíveis: gasóleo vai finalmente descer na próxima segunda-feira
Supervan desportiva de entregas rápidas com 1.470 kW
Carros elétricos usados. Uma boa opção? O que ter em conta?