Energia

Os Belenenses vão ter o estádio coberto com 1092 painéis solares

Comunidade de energia nasce em Belém para aliviar contas de energia do clube e ajudar residentes na zona
Painéis solares no estádio de "Os Belenenses"
Painéis solares no estádio de "Os Belenenses"

A Energia Unida e o clube centenário “Os Belenenses”, celebraram na passada sexta-feira, dia 22 de julho um acordo que visa a criação de uma “comunidade de energia” na zona onde se insere o complexo desportivo lisboeta.

O projeto contará com 1092 painéis solares, que serão distribuídos por cima das coberturas laterais do Estádio do Restelo e deverá entrar em funcionamento até ao final deste ano.

Criado em forma de comunidade de energia, esta parceria entre a Energia Unida, empresa do grupo Greenvolt e o clube “Os Belenenses” irá gerar poupanças energéticas de mais de 30% para o clube de Belém, em Lisboa, bem como beneficiar todos os utilizadores (num raio de 4 km) que queiram aderir e que poderão ter uma redução de até 32% no custo com a eletricidade.

Fotomontagem do projeto solar

Os painéis solares deste projeto contam com uma capacidade de 595 KWp que vai permitir gerar, anualmente, 840 MWh de energia limpa.

Este projeto possibilita também evitar a emissão de até 233 toneladas de CO2 todos os anos.

O acordo foi celebrado no Camarote presidencial do Estádio do Restelo, na presença de João Manso Neto, CEO da Greenvolt, Patrick Morais de Carvalho, presidente do clube de futebol “Os Belenenses” e José Queirós de Almeida, CEO da Energia Unida.

(Fotos: AWAY)

Continuar a ler
Home
Preço dos combustíveis para a próxima semana com nova descida
E-bike analisa o nível de poluição no ar enquanto pedalas
E se fosses de balão ao espaço? Descobre aqui o preço de uma viagem de 6 horas