Sustentabilidade

Seca faz com que Barlavento e Lima tenham nível de água abaixo do normal

Nove bacias hidrográficas apresentaram uma descida do volume armazenado de maio para junho
Rio Lima (Foto: T. Medeiros/Unsplash)
Rio Lima (Foto: T. Medeiros/Unsplash)

A seca está a impactar os níveis de água em todo o país, sendo que as bacias do Barlavento algarvio e do Lima eram as que estavam com menor quantidade de água no continente, no final de junho, algo que sucede desde o final de 2021.

De acordo com dados do Sistema Nacional de Informação de Recursos Hídricos (SNIRH), citados pela Lusa, a bacia do Barlavento algarvio estava com 13,3% de quantidade de água armazenada – a média é 71,7% –, enquanto a do Lima apresentava 18,3% - a média é 73,5%.

A juntar a estar duas, as bacias do Mira (38,4%), do Cávado (39,3%), Arade (46,1%), Sado (49,2%), Oeste (54,3%) e Tejo e Douro (56,3%) apresentavam também menor disponibilidade de água. Já as bacias do Mondego (86%), Guadiana (69,6%) e Ave (62,7%) eram as que tinham os níveis mais elevados.

Sado (Foto: E. Goody/Unsplash)

O SNIRH destaca ainda que, comparativamente ao mês anterior, no último dia de junho verificou-se uma descida do volume armazenado em nove das 12 bacias hidrográficas do continente. Houve um aumento em apenas três.

Como consequência dos níveis nas bacias hidrográficas, de acordo com os dados do SNIRH, das 60 albufeiras monitorizadas, 14 estavam com disponibilidades hídricas abaixo dos 40% do volume total e apenas oito tinha valores superiores a 80%. De destacar que a cada bacia hidrográfica pode corresponder mais do que uma albufeira.

Seca em Portugal

Depois das chuvas de março e abril que ajudaram a aliviar a seca meteorológica no território nacional, em maio houve um agravamento da situação.

No final de junho, o Governo reconheceu oficialmente a existência de seca severa e extrema em todo o território, referindo, em despacho, que em maio, cerca de 97,1% do território estava em seca severa e 1,4% em situação de seca extrema. Na primeira quinzena de junho, a situação agravou-se, e todo o continente passou a estar em situação de seca severa ou extrema.

A seca e o impacto da mesma têm provocado preocupação entre agricultores, ambientalistas e autarcas de vários pontos do país, que começam a criar medidas para tentar poupar água durante os meses de verão.

Continuar a ler
Home
Preço dos combustíveis para a próxima semana com nova descida
E-bike analisa o nível de poluição no ar enquanto pedalas
E se fosses de balão ao espaço? Descobre aqui o preço de uma viagem de 6 horas