Energia

Nissan expande quinta solar para produzir Leaf com energias renováveis

Expansão da rede energética vai permitir duplicar a quantidade de energias renováveis produzidas na fábrica de Sunderland
Nissan expande parque solar de Sunderland
Nissan expande parque solar de Sunderland
PUB

A Nissan vai expandir a quinta solar da fábrica de Sunderland, no Reino Unido, em 20MW. Com esta nova instalação, a marca irá duplicar a quantidade de energia renovável produzida, o suficiente para garantir que cada Nissan Leaf vendido na Europa é construído com recurso a eletricidade verde.

Esta instalação deverá ficar concluída até maio de 2022 e é a primeira de dez explorações adicionais do Nissan EV36Zero, o projeto da marca focado na sustentabilidade, anunciado em julho deste ano, e que prevê um investimento inicial de mais de mil milhões de euros.

PUB

A fábrica da Nissan em Sunderland começou a utilizar fontes de energia renováveis em 2005, ano em que instalou as primeiras turbinas eólicas, capazes de produzir 6,6MW de potência. Em 2016, instalou a quinta solar de 4,75MW, que vai agora expandir para aumentar a produção energética.

PUB
Nissan apresenta Ambition 2030, a sua estratégia para mobilidade eletrificada
PUB

No âmbito do Nissan EV36Zero, foram também desenvolvidos planos para um sistema de armazenamento de energia de 1MWh com baterias de segunda vida dos veículos elétricos da Nissan, e, em outubro, foi anunciada uma nova gigafábrica de 9GWh de capacidade, do parceiro de baterias Envision AESC, e que deverá ficar adjacente à fábrica de automóveis de Sunderland.

PUB

Desta forma, a Nissan reforça o seu compromisso com a neutralidade carbónica e trabalha para tornar realidade a sua estratégia de mobilidade Ambition 2030, apresentada recentemente, e que inclui o lançamento de vários modelos eletrificados até 2030.

(Fotos: Nissan)

Continuar a ler
Home
Tão giro! O Microlino tem 230 km de autonomia e é perfeito para as cidades
Empresa chinesa quer arrancar com táxi aéreo na Europa em 2025
Este é o carregador elétrico mais rápido do mundo