Energia

Energias renováveis representam 72% da eletricidade em Portugal

Energia solar foi a que teve maior crescimento, mas foi a energia hidroelétrica a que mais abasteceu Portugal
Texto
Energia eólica (foto: REN)
Energia eólica (foto: REN)

As energias renováveis estão a ganhar cada vez mais destaque em Portugal, sendo responsáveis por 72% do consumo de eletricidade no primeiro trimestre de 2023. O restante abastecimento foi garantido pela produção de gás natural (19%) e pelo saldo importador (9%).

Quando olhamos só para as fontes renováveis, de janeiro a março de 2023, 34% veio da produção hidroelétrica, 27% da eólica e 6% da biomassa. A energia solar foi responsável por apenas 5% dos 72% das energias renováveis, no entanto teve um índice de produtibilidade de 1,14 (média histórica igual a 1), mostram novos dados da REN - Redes Energéticas Nacionais.

Energia solar - AWAY
Condições meteorológicas facilitaram produção solar (foto: Kelly/Pexels)

Em março, o fenómeno foi semelhante. As condições meteorológicas nesse mês apenas foram favoráveis à energia solar, o que permitiu que a produção fotovoltaica ultrapassasse pela primeira vez os 1500 MW, mais 400 MW do que no período homólogo de 2022.

O mercado de gás natural voltou a descer, desta vez 25% quando comparado a março de 2022 e 20% quando visto face ao primeiro trimestre. A REN justifica a descida com a quebra na produção de energia elétrica e a ligeira descida no segmento convencional que abrange os restantes consumidores.

Nos primeiros três meses do ano, o consumo de gás no segmento convencional foi o mais baixo desde 2009.

De forma geral, o consumo de energia elétrica teve um ligeiro recuo de 1% face ao período homólogo e uma variação anual positiva de 2,1%.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Parte do plástico em Portugal é reciclado com recurso a energia solar
Vais comprar pão? 6 dicas para aproveitares até à última migalha
Quanto tempo demora o Citroën ë-C4 X a percorrer 1000 quilómetros?