Energia

Bill Gates vai investir em baterias de armazenamento de energia solar e eólica

O fundador da Microsoft vai juntar-se à Chris Sacca, em projeto que pretende contribuir para a descarbonização
Bill Gates investe na Antora (Foto: AP/Antora)
Bill Gates investe na Antora (Foto: AP/Antora)

O investimento de Bill Gates e Chris Sacca, na Antora Energy, será realizado através da Breakthrough Energy Ventures e da Lowercarbon Capital, respetivamente, e, terá como missão, para além do apoio à start-up, angariar outros investidores para o projeto.

O fundo conjunto gerido pelos dois magnatas, vai investir 50 milhões de dólares (cerca de 44 milhões de euros) num projeto de “baterias térmicas”, da Antora Energy, capazes de fornecerem energia limpa a indústrias pesadas.

Bill Gates (co-fundador da Microsoft) tornou-se um forte investidor das causas ambientais e tem pesquisado toda a temática de forma muito séria. Chris Sacca (ex-responsável na Google pelos projetos especiais) é um dos mais novos bilionários americanos do estilo “self made man”, conhecido por ser um alto investidor de risco, com elevado sucesso nas energias renováveis.

Chris Sacca tem investido em empresas de captura de CO2

Investimento na descarbonização do planeta

No livro “How to Avoid a Climate Disaster” (Como evitar um desastre climático), Bill Gates escreve que tem que se procurar rapidamente formas de acelerar o processo de descarbonização. Já Sacca, que co-fundou a Lowercase Capital, chegou recentemente ao “mundo” do combate às emissões climáticas.

Este projeto com a Antora Energy irá permitir que, um complexo de baterias de alta eficiência, faça o armazenamento de energia de fonte eólica e solar, providenciado um fornecimento de energia 100% limpa a indústrias que queiram assegurar um consumo energético verde.

Foto: Antora Energy (direitos reservados)

O processo da Antora passa pela recolha e armazenamento da energia em gigantescas baterias sólidas. A partir desse complexo, a energia armazenada, poderá ser “bombeada em forma de altas temperaturas” para os processos produtivos da indústria pesada (por exemplo para contribuir para fabricar cimento ou aço, através de energia limpa).

A Antora Energy pretende ainda que, no decorrer destes investimentos, seja possível converter em energia e alimentar a rede de abastecimento elétrico.

(Foto principal: Samuel Habtab/Associated Press e MediaCenter/Antora Energy)

Continuar a ler
Home
Alterações climáticas impactam nascimento das tartarugas
Preço dos combustíveis desce hoje: vê a nossa previsão
Descobre este veículo de transporte coletivo autónomo e a hidrogénio