Mobilidade

Elétrico BYD Dolphin vem da China e chega a Portugal por €29.990

A Europa recebe mais uma ofensiva de modelos elétricos de construtores chineses
Texto

Depois de revelados três modelos com que se estreia no mercado nacional, o construtor chinês Build Your Dreams (BYD) anunciou agora o lançamento do BYD Dolphin mais um veículo 100% elétrico para o mercado europeu. Chega a Portugal apenas no final do ano mas já foram divulgadas algumas características e preços.

O BYD Dolphin é um carro elétrico compacto que surge na versão topo de gama com um motor elétrico de 150 kW (204 cavalos) e bateria de 60,4 kWh de capacidade sendo capaz de oferecer uma autonomia de até 427 km (ciclo combinado WLTP)

Para além da bateria de 60,4 kWh (Comfort e Design), com vendas a começar durante o verão e entregas previstas para o final do ano, chegará no início de 2024 uma versão com bateria de 44,9 kWh e motorizações de 70 kW ou 130 kW (Active e Boost, com 340 e 310 km de autonomia respetivamente).

BYD Dolphin
BYD Dolphin terá autonomia de até 427 km (foto: divulgação)

O novo BYD Dolphin traz como destaque a tecnologia Blade Battery, de célula única, que consiste numa bateria sem cobalto e com utilização de fosfato de ferro-lítio (LFP), que a marca assegura ter um nível de segurança superior às baterias convencionais de iões-lítio (Li-Ion), maior estabilidade térmica, elevada densidade de potência, baixo consumo e, por isso, maior autonomia.

A marca indica ainda que o BYD Dolphin terá um carregamento DC entre 30 a 80% abaixo dos 30 minutos, para qualquer das versões.

O novo modelo compacto chinês irá apostar fortemente no preço que se inicia nos €29.990 (BYD Dolphin Active) e vai até €37.690 (BYD Dolphin Design), juntando-se assim à atual oferta da marca oriental: Atto3, Han e Tang.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Sabes quais são os equipamentos elétricos com maior impacto ambiental?
Cemitérios a produzir energia solar? Projeto está a nascer em Espanha
Hyundai apresenta primeiro camião a hidrogénio com condução autónoma