Mobilidade

Conduzes motas e tens entre 20 e 60 anos? Se a resposta é sim, a Bosch precisa de ti

A multinacional alemã, em parceria com a Universidade do Minho, está a desenvolver um projeto de inovação para mobilidade autónoma e conectada em duas rodas e, para a testar, procura 100 voluntários. Os ensaios vão ser em Guimarães.
Texto
Bosch
Bosch

A Bosh está à procura de 100 participantes para fazerem parte de um conjunto de testes a novas tecnologias criadas para dar resposta ao futuro da mobilidade conectada em veículos de duas rodas. Estas novas propostas que vão ser sujeitas a teste estão a ser desenvolvidas num projeto de inovação em parceria com a Universidade do Minho. Para se poder participar é necessário ter experiência com condução de motas e ter entre 20 e 60 anos.

Os testes são executados com o apoio de um simulador de motociclos e de uma tela curva de projeção, que recriam a experiência de condução real de uma mota e apresentam diferentes situações de perigo.

O objetivo é testar a perceção do condutor face a avisos de perigo provenientes de diversos dispositivos de interação homem-máquina, como avisos sonoros, sinais hápticos e sinais visuais projetados num ecrã instalado num capacete.

Os ensaios irão ajudar a Bosch a desenvolver novas soluções que possam melhorar a experiência dos motociclistas perante as novas oportunidades proporcionadas pela tecnologia V2X que facilita a comunicação entre veículos, pessoas e infraestruturas.

Os interessados devem inscrever-se até dia 15 de outubro no site da Bosch (ver aqui). Quem for selecionado terá de se dirigir à Escola de Engenharia da Universidade do Minho, no Campus de Azurém, em Guimarães. Os testes serão em outubro, em data a agendar, e terão a duração de 60 minutos.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Plano da União Europeia vai ajudar a salvar as abelhas
Base logística do Intermarché já tem painéis solares fotovoltaicos
Antártida tem um novo iceberg 15 vezes maior do que Lisboa