Mobilidade

Portugal não se compromete com o fim dos carros a combustão na COP26

Estados Unidos, China, Toyota e Volkswagen também não se comprometeram com a transição para veículos zero-emissões
Vários países assinaram acordo, Portugal não
Vários países assinaram acordo, Portugal não
PUB

Vários fabricantes de automóveis e 24 países comprometeram-se a acabar com os veículos a combustíveis fósseis, até 2040. E apesar do compromisso feito na COP26 ter vários signatários, o que mais chamou a atenção foi o facto de países como Portugal, Alemanha e Estados Unidos e construtores de automóveis como a Toyota, a Volkswagen e o Grupo Stellantis, de que fazem parte marcas como Citroën, Fiat, Opel e Peugeot, entre outras, recusaram-se a fazer parte do acordo.

A declaração de veículos automóveis de Glasgow que foi apresentada na Cimeira do Clima pede aos signatários que façam uma rápida transição para veículos de zero-emissões até 2040, ou, caso seja possível, em 2035.

PUB
A Volvo assinou o acordo e comprometeu-se com o fim dos veículos com emissões zero até 2040
PUB

Portugal foi um dos países que não fez parte do acordo, depois de ter aprovado a Lei de Bases do Clima (ver aqui) a semana passada. No diploma, o país comprometeu-se apenas a proibir veículos movidos exclusivamente a combustíveis fósseis até 2035. Carros híbridos continuarão a ser permitidos.

PUB

Países como Reino Unido, Canadá, Índia, Dinamarca, Nova Zelândia e Suécia e fabricantes de veículos como a Ford, a General Motors, a Mercedes Benz e a Volvo Cars assinaram o compromisso feito no dia dedicado aos transportes na COP26, em Glasgow. Empresas como a EDP, a Uber, a farmacêutica AstraZeneca ou a Sainbury’s também se juntaram.,

Matos Fernandes esteve na COP26 e falou sobre compromissos em Portugal

Apesar de os Estados Unidos não fazerem parte do acordo, o estado da Califórnia e de Nova Iorque assumiram o compromisso na COP26, depois de terem anunciado este ano que vão deixar de vender veículos com motores de combustão até 2035.

 

(Fotos: CCO/Pixabay, Volvo Cars)

Continuar a ler
Home
Fantástico
Vídeo: O Renault 4L do futuro é elétrico e voa!
Away
Biocombustíveis: depois do milho e girassol, agora os insetos
Energia
Gasolina desce e gasóleo sobe, na próxima semana