Mobilidade

Despesas com serviços de transporte individual vão crescer exponencialmente

Estudo de consultora britânica prevê que gastos com transporte de passageiros através de plataformas vão exceder €828 mil milhões em 2026
Estudo prevê que os gastos com o transporte de passageiros vão subir
Estudo prevê que os gastos com o transporte de passageiros vão subir
PUB

As despesas dos consumidores com serviços de transporte individual de passageiros vão continuar a aumentar no curso dos próximos anos, chegando a exceder os 828 mil milhões de euros a nível global em 2026. A conclusão é da consultora britânica Juniper Research que compara o montante a 50 vezes a receita anual combinada dos Transportes de Londres, da Autoridade de Transportes Metropolitanos de Nova Iorque e do Metro de Pequim em 2021.

O estudo “Ride Sharing: Value Chain Analysis, Market Size & Forecasts 2012-2026”, da Juniper Research, prevê que haja um crescimento de 537 por cento nos próximos cinco anos, acima dos 147 mil milhões de dólares registados em 2021. Os utilizadores dos Estados Unidos e da China são apontados pela investigação como os mais “gastadores” em plataformas como a Uber ou a Lyft, representando 65% do valor de mercado em 2026.

PUB

Já as viagens partilhadas parecem ter pouca aceitação por parte dos consumidores, pois deverão representar apenas 13 por cento de todas as viagens em 2026, o que parece indicar que a maioria dos consumidores estão dispostos a pagar mais pelo privilégio de viajar sozinhos.

PUB
PUB

O documento realça que embora esta seja uma tendência lógica dada a pandemia em curso, as emissões geradas pelos serviços de ocupação única devem impelir as plataformas a explorar incentivos não financeiros para conduzir a uma maior adesão aos serviços de partilha de automóveis.

Um exemplo disso mesmo é a colaboração com as autoridades municipais, para permitir que os veículos de viagens partilhadas possam utilizar as faixas BUS e, assim, possam tornar este tipo de serviços mais atrativo em termos de custo e eficiência.

O estudo destacou ainda a necessidade da criação de futuras iniciativas governamentais para reduzir a utilização de veículos privados nas cidades, bem como o papel que o transporte público pode ter nas viagens multimodais.

(Fotos: divulgação e V. Avdeev e A. Distel/Unsplash)

Continuar a ler
Home
Comprar um veículo elétrico em segunda mão. Prós e contras
Preço dos combustíveis com aumento na 2ª feira
Descobre como a resiliência fará parte das smartcity do futuro