Mobilidade

Moedas quer passes grátis para estudantes sem domicílio fiscal em Lisboa

Maiores de 65 anos e jovens estudantes com residência em Lisboa já podem aceder aos transportes gratuitos na capital
Texto
Carlos Moedas (Lusa/Unsplash/FotoMontagem)
Carlos Moedas (Lusa/Unsplash/FotoMontagem)

O presidente da Câmara de Lisboa, Carlos Moedas, afirmou hoje, dia 20 de setembro, que está a tentar estender a medida dos passes grátis para estudantes em Lisboa também aos estudantes que não tenham o domicílio fiscal na capital.

De acordo com a agência Lusa, Moedas afirmou que 40 mil residentes em Lisboa já aderiram aos passes gratuitos, 30 mil dos quais ao abrigo do regime mais de 65 anos e cerca de 10 mil estudantes com residência no concelho de Lisboa.

O autarca da capital destacou que o problema dos jovens que vêm para Lisboa estudar, mas que não têm direito ao passe gratuito, devido a não terem residência fiscal na capital, está a ser estudado para não os deixar de fora.

Carlos Moedas acrescentou que está a trabalhar com a Área Metropolitana de Lisboa para que esses jovens que vêm de fora possam ser incluídos no programa.

Não há ainda data para que esta situação esteja resolvida.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Radares PSP. Todas as localizações para o mês de outubro
Preço dos combustíveis vai subir para a próxima semana. A nossa previsão aqui
Eletricidade e gás ficam mais caros dia 1 de outubro