Mobilidade

5 Conselhos de segurança para condutores seniores

Este Natal, quando estiveres com familiares mais velhos que ainda conduzam, partilha algumas dicas para que se mantenham seguros na estrada
Texto
Condutores seniores
Condutores seniores

De acordo com o relatório inglês "Condução segura até à velhice", feito pelo Departamento de Transportes e divulgado pela GEM, espera-se que as mortes na estrada de condutores com idades compreendidas entre os 70 e os 79 anos aumente 40% nos próximos 20 anos. Isto acontece porque com a idade vamos perdendo algumas capacidades: o tempo de reação aumenta, a força e a flexibilidade diminuem.

Para evitar que esta previsão se torne realidade, é importante encontrar mecanismos que garantam a segurança na estrada. Para tal, deixamos aqui algumas dicas para que possas passar aos condutores seniores que conheces e que se recusam a largar o volante. Quanto mais informados estivermos todos, menor a probabilidade de ocorrerem acidentes na estrada.

  1. O exercício físico é importante

O exercício físico não traz só benefícios quando se conduz. Quando uma pessoa idosa pratica exercício físico, consegue preservar a sua força e a sua flexibilidade, o que facilita a condução e até as atividades normais do dia a dia. Alongamentos, caminhadas e até algum treino de força são alguns exemplos que podem trazer vários benefícios.

  1. Os check-ups à visão e à audição devem estar sempre em dia

A visão e a audição são dois sentidos que se vão deteriorando com a idade e são dos mais importantes quando se conduz. É por isso importante fazer consultas de rotina para se detetar algum possível problema rapidamente e para que estes não representem um problema na hora de levar o carro para a estrada.

  1. Escolher percursos com que o condutor se sinta confortável

Independentemente da idade, há sempre um ou outro percurso que nos deixa desconfortável: pode ser um cruzamento com muito trânsito ou uma rotunda com várias faixas. Planear a viagem com antecedência, evitando alturas de maior trânsito ou procurando percursos alternativos, é uma boa maneira de garantir maior segurança na condução.

Condutores seniores deveriam ter regras diferentes para renovar carta de condução?
  1. Evitar distrações

Petiscar enquanto se conduz ou estar atento à mensagem que se acabou de receber no telemóvel são dois exemplos de ações que fazem o condutor ficar menos focado na estrada. Todos devemos evitar estas distrações e os condutores seniores não são exceção. Quanto mais focado se estiver na estrada, mais facilmente se consegue reagir a um possível obstáculo ou perigo na via.

  1. Ter consciência das limitações

É normal que, à medida que os anos vão passando, vão surgindo novas limitações. Negar que elas existem não as faz desaparecer e pode até ser fonte de perigo. Por isso, os condutores seniores devem estar atentos a si próprios e adaptar a sua condução às suas necessidades. Se for necessário, devem procurar um carro que também responda melhor às suas necessidades.

(Fotos: O. Ghosson e J. Herndorff/Unsplash e A. Shvets/Pexels)

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Governo recomenda baixar a velocidade máxima para os 100 km/h
Dinamarca está a substituir comboios Diesel por elétricos
Itália tem primeira residência para estudantes alimentada a hidrogénio