Mobilidade

Dacia lidera vendas a particulares em 2022 e reforça aposta elétrica e GPL

Marca do grupo Renault foi líder de vendas nos particulares em 2022 com veículos bi-fuel (a gasolina e GPL) a terem grande destaque
Texto

Dados fornecidos pelo importador revelam que a Dacia finalizou 2022 como líder de vendas a clientes particulares, o que significa que um em cada cinco portugueses escolheram veículos da marca do Grupo Renault. Estes dados bem como a estratégia para os próximos anos foram revelados em recente conferência de imprensa da Dacia.

O ano passado, em Portugal, a Dacia vendeu 10.157 viaturas e surgiu no TOP 6 de vendas a nível geral. Apesar de só ter um modelo de zero emissões na gama, a Dacia conseguiu que o pequeno e mais acessível Spring surgisse em quinto lugar na lista de automóveis elétricos mais vendidos em Portugal.

Dacia Spring elétrico - AWAY
Dacia Spring é o único modelo 100% elétrico da marca (foto: divulgação)

Estratégia da Dacia para o futuro e o sucesso do Bi-Fuel

A estratégia para os próximos anos passa pelo reforço de simplificar e facilitar o acesso à mobilidade a todos os clientes, o que significa, no entender da marca, ter produtos acessíveis e detentores do essencial.

Apostar em carros híbridos está nos planos da Dacia que vão lançar o primeiro modelo com esta motorização já em março, o Jogger. Ainda assim, José Pedro Neves, o diretor geral da marca em Portugal, considera que os impostos tornam mais difícil a aquisição de veículos híbridos em Portugal.

Dacia Jogger - AWAY
Dacia Jogger vai nascer em versão híbrida (foto: divulgação)

No segmento dos automóveis a Bi-Fuel, uma solução de gasolina e GPL (gás de petróleo liquefeito), a Dacia foi a líder de vendas e pretende continuar com esta aposta.

O Bi-Fuel é uma solução para ficar no mercado, que terá o seu próprio espaço. De alguma forma, hoje já é uma alternativa ao diesel, inclusivamente para as empresas devido às reduções fiscais que oferece, sendo esta uma grande vantagem”, refere José Pedro Neves em declarações à AWAY.

O motor Bi-Fuel foi responsável por mais de 40% das vendas dos modelos Sandero e Duster e teve grande destaque também no Jogger.

Os objetivos da empresa passam pela consolidação da marca, com uma imagem renovada, não só nos automóveis, como também em toda a rede de concessionários. Em vista está também a continuação da aposta na mobilidade sustentável e ecológica.

Novos lançamentos eletrificados da Dacia para 2023 e 2024

Para além do lançamento Jogger híbrido em março, o primeiro da marca, a Dacia vai apostar em novas versões do seu elétrico Spring.

Dacia Spring - AWAY
Dacia Spring Extreme chega este ano (foto: divulgação)

Em 2023, lançará o Spring Extreme com 48 kW (65 cavalos), mais potente do que o atual modelo de 33 kW. 2024 trará uma terceira versão do elétrico da Dacia, sendo que ainda não foram divulgadas informações sobre esta novidade.

A grande surpresa é a chegada do Bigster no final do próximo ano, um veículo do segmento C que ainda está envolto em muito mistério. No site da Dacia é referido que este irá usar a plataforma CMF-B da Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi que lhe permite ser equipado com motores híbridos ou a energias alternativas.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Plano da União Europeia vai ajudar a salvar as abelhas
Base logística do Intermarché já tem painéis solares fotovoltaicos
Antártida tem um novo iceberg 15 vezes maior do que Lisboa