Mobilidade

Novo Abarth 500e elétrico: um escorpião que até faz faísca

Primeiro automóvel elétrico da marca italiana de altas prestações combina ausência de emissões com prazer de condução
Texto

Abarth é mais um construtor rendido às capacidades dinâmicas e à ausência de emissões inerentes à propulsão totalmente elétrica, com o lançamento do novíssimo 500e. O primeiro modelo exclusivamente alimentado a energia elétrica da marca do escorpião promete mais respeito pelo ambiente, sem descurar a diversão na condução que a caracteriza.

No desenvolvimento do seu primeiro modelo 100% a baterias a marca italiana procurou juntar num formato supercompacto potência elétrica, estética e sonoridade apelativas, tecnologia avançada e sustentabilidade.

Abarth 500e - AWAY
Abarth 500e

O Abarth 500e é o resultado desta combinação de fatores, assumindo-se como o modelo mais excitante do portefólio do construtor. Face às versões a gasolina, tem uma melhor distribuição de peso, uma maior distância entre eixos e um binário superior, o que o coloca num nível superior quando falamos de performance.

Comparativamente com o 695, o 500e tem uma melhor capacidade de resposta em qualquer situação de condução – em aceleração urbana, em curvas sinuosas fora da cidade e em situações de ultrapassagem. A aceleração dos 0 aos 100 km/h cumpre-a em apenas sete segundos e, claro, sem libertar quaisquer gases de escape.

Abarth 500e  - AWAY
Abarth 500e

No que concerne a características técnicas, o primeiro automóvel elétrico da marca com 73 anos de história monta uma bateria de 42 kWh, permitindo-lhe chegar aos 113,7 kW (152 cv) de potência se selecionado um dos modos de condução Scorpion Street ou Scorpion Track. No modo Turismo a aceleração é mais suave e a potência não ultrapassa os 100 kW (134 cv).

Para além da componente dinâmica, uma das características mais peculiares do Abarth 500e é a gama de sons que reproduz e à qual os engenheiros da marca dedicaram especial atenção. Desde o som de guitarra de cada vez que o automóvel é ligado ou desligado, ao emitido quando circula a baixa velocidade, no domínio sonoro o pequeno desportivo elétrico não quer passar despercebido.

O mais entusiasmante está, contudo, na tecnologia Sound Generator (opcional) que substitui o som padrão por um outro semelhante ao produzido por um motor a gasolina, elevando a experiência de condução para um nível ainda mais excitante.

Sobre o carregamento da bateria, o Abarth 500e está equipado com sistema de carregamento rápido de 85 kW, pelo que em cinco minutos consegue obter-se uma autonomia extra de 50 km. O carregamento até 80% da capacidade faz-se em 35 minutos.

O novo modelo da Abarth é proposto na edição especial de lançamento – Scorpionissima – recheada de equipamento e disponível nas versões berlina e cabrio, nas cores de carroçaria Verde Acid ou Azul Poison.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Sabias que 1 em cada 4 EV utilizam baterias da Coreia do Sul?
Preço da gasolina e do gasóleo desce na próxima segunda-feira. Vê aqui
Autocarro português a hidrogénio está a chegar à Europa