Mobilidade

Miio e Power Dot vão permitir carregamentos com pagamento via QR Code

Mais de 100 carregadores da rede pública irão permitir pagamentos no momento, através da leitura de um QR Code na instalação
Texto
Power Dot e Miio com carregamento ad hoc
Power Dot e Miio com carregamento ad hoc

A Miio e a Power Dot estabeleceram uma parceria que visa proporcionar aos utilizadores dos postos de carregamento da rede pública um carregamento com pagamento imediato (ad hoc).

O projeto com início em janeiro de 2022 irá arrancar com 100 carregadores mas o objetivo é chegar às 500 unidades preparadas com este sistema até ao final do ano, em todo o território nacional.

As duas empresas tentam assim facilitar e simplificar todo o processo de carregamento de veículos elétricos na rede pública e abre novas perspetivas inclusive para o mercado de rent-a-car de elétricos por parte de turistas.

Ver também: Miio e Europcar unem-se para facilitar aluguer de VE

A informação sobre os carregadores estará disponível na app miio com a indicação de que se trata de um carregador Power Dot que permite realizar um carregamento ad hoc através do QRCode.

Com esta modalidade de carregamento, qualquer utilizador de um veículo elétrico pode fazer um carregamento na via pública sem necessitar de contrato com um CEME (Comercializador de Eletricidade para a Mobilidade Elétrica) e pagar automaticamente no próprio ato de carregamento. Basta dirigir-se a um posto, fazer a leitura do QRCode, inserir um cartão de crédito e dar início à sua sessão de carregamento.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Radares PSP. Todas as localizações para o mês de outubro
Preço dos combustíveis vai subir para a próxima semana. A nossa previsão aqui
Eletricidade e gás ficam mais caros dia 1 de outubro