Mobilidade

Trotinetes e bicicletas elétricas com forte adesão em Oeiras

Sistema de mobilidade suave implementando em Oeiras está a ser um sucesso
Texto
Trotinetes e bicicletas elétricas em Oeiras (foto: CMOeiras)
Trotinetes e bicicletas elétricas em Oeiras (foto: CMOeiras)

Nos primeiros três meses deste ano registaram-se mais de 36 mil viagens no sistema de mobilidade partilhada criado no concelho de Oeiras, o que permitiu evitar a emissão de mais de 15 toneladas de dióxido de carbono (CO2).

O projeto com trotinetes e bicicletas elétricas partilhadas, lançado no final do ano passado, têm tido uma forte aceitação por parte dos visitantes e residentes de toda a região, tendo a Parques Tejo, empresa municipal responsável pela área da mobilidade urbana, avançado que, entre 1 de janeiro e 31 de março de 2023, iniciaram-se 36.712 viagens em todo o concelho.

As trotinetes e bicicletas elétricas permitiram evitar em Oeiras a emissão de 15.077 Kg de CO2 para a atmosfera

Os dados hoje divulgados revelam ainda que no total das deslocações de trotinetes e bicicletas elétricas foram consumidos, nesse período, 332.809 minutos de deslocação correspondentes a trajetos que somam 66.074 quilómetros.

Estes números demonstram que a aposta foi positiva num concelho que criou desde logo zonas de parqueamento especificas e conta com o apoio dos operadores privados Bolt, Bird e Link (Superpedestrian).

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Sabes quais são os equipamentos elétricos com maior impacto ambiental?
Cemitérios a produzir energia solar? Projeto está a nascer em Espanha
Hyundai apresenta primeiro camião a hidrogénio com condução autónoma