Mobilidade

Energia solar: veículo elétrico com motor de 150 kW e 1600 km de autonomia

O Aptera Sol é um veículo elétrico que capta a energia do sol e converte em energia para a bateria de 100 kWh alimentar o motor de 150 kW
Texto

Os veículos solares estão cada vez mais a surgir com propostas verdadeiramente entusiasmantes. É o caso do Aptera Sol. Sim, leu bem, esta versão do veículo solar Aptera tem a designação latina do astro-rei.

O Aptera Sol é um bilugar (a marca indica que deve considerar um casal e um cão, para os qual até há acessórios específicos para ir corretamente instalado!), com 4,36 m de comprimento, 2,23 m de largura e 1,45 m de altura. A estética é futurista, mas funcional e a condução tende a ser o mais descontraído possível.

Este curioso veículo solar pode ser inteiramente personalizado em termos de cores no exterior e interior e, espante-se, faz parte do seu equipamento de série, uma tenda de campismo integrada com um toldo extensível.

O interior é espartano (ainda assim tem capacidade para albergar 710 litros de “carga”), mas o interior é moderno, bem construído e inclui um grande mostrador digital central de 15 polegadas com ecrã tátil.

1600 quilómetros de autonomia

O Aptera Sol está equipado motor de 150 kW com tração integral e bateria de 100 kWh e, com isso, apresenta uma autonomia incrível de 1600 quilómetros. Mais, se o deixar ao sol ou circular em zonas de sol a marca diz que nunca terá que o carregar numa tomada convencional. É capaz de carregar, através da recolha da energia solar, em estado estacionário ou em velocidades até 60 km/h.

Isto porque, tem um painel coletor solar com aproximadamente 3 m2 com 700W de capacidade e pode ainda ser colocado um coletor no capot e na traseira para aumentar a captação de energia solar (garante uma autonomia extra de 38 km).

O carregamento convencional pode ser feito em tomadas standard americanas de 110V (carregamento de 20 km por hora) ou num carregador rápido DC que proporciona 80 por cento da autonomia máxima em apenas uma hora.

Tem ainda uma versão com motor de 100 kW e pode ter baterias de 60, 40 ou 25 kWh. O fabricante americano assegura que o Sol cumpre o arranque dos 0 aos 100 km/h em apenas 3,5 segundos, mas está limitado aos 170 km/h de velocidade máxima.

Apresenta capacidade de condução autónoma de nível 2, ou seja, pode tirar as mãos do volante, em modo de “cruise” mas deverá manter a atenção que o sistema irá assim exigir.

Nos EUA o Aptera tem preços a partir dos 25 900 dólares antes de impostos, e, esta versão Sol, com a motorização mais potente chega aos 46 mil dólares (entre 22 e 39 mil euros aproximadamente).

E para Portugal? Para já (ainda) não há planos.

 

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Governo recomenda baixar a velocidade máxima para os 100 km/h
Dinamarca está a substituir comboios Diesel por elétricos
Itália tem primeira residência para estudantes alimentada a hidrogénio