Energia

Google e EDP Renováveis juntas em contrato de energia solar

Contrato prevê criação de 80 projetos de energia solar em seis estados dos EUA onde a Google tem instalações
Texto
Google e EDP Renováveis juntas para desenvolver projetos de energia solar (foto: EDP Renováveis)
Google e EDP Renováveis juntas para desenvolver projetos de energia solar (foto: EDP Renováveis)

A Google está a trabalhar para descarbonizar a sua atividade e juntou-se à EDP Renováveis para instalar mais de 80 projetos de energia solar distribuída em seis estados dos Estados Unidos. Vai permitir instalar cerca de 650 MWp em comunidades de energia renovável.

O contrato celebrado entre a gigante tecnológica e a unidade de negócio EDP Renováveis América do Norte é considerado o maior, nos Estados Unidos, de energia solar distribuída, ou seja, de produção de eletricidade próximo do consumidor final.

A EDP Renováveis vai ficar responsável pelo desenvolvimento, construção e operações dos parques solares fotovoltaicos.

Google - AWAY
Projetos solares vão estar em estados onde google tem instalações (foto: Pawel Czerwinski/Unsplash)

Os primeiros projetos vão começar a ser desenvolvidos no estado de Ohio, onde a Google tem um campus de centro de dados e uma Google Cloud e deverão começar a ficar operacionais até ao final de 2024.

A parceria da Google e da EDP Renováveis tem também como objetivo reduzir o custo da eletricidade para cerca de 25 mil famílias com rendimentos baixos a moderados.

Além disso, o programa prevê a criação de um fundo de impacto comunitário de cerca de 11 milhões de euros que servirá para apoiar a redução da pobreza energética nas comunidades onde os projetos solares serão desenvolvidos.

Há um ano, a Google anunciou que pretendia usar apenas energia de fontes renováveis nos seus centros de dados até 2030. Este é mais um passo para atingir o objetivo.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Vê como ficam hoje o preço dos combustíveis
Radares da PSP: vê onde vão estar na próxima semana de 22 a 28 de abril
Mundo vive branqueamento em massa de corais pela segunda vez em 10 anos