Fantástico

Velocidade Furiosa 10: Vin Diesel vai render-se aos automóveis elétricos?

Novo Fast X larga motores a combustão e deixa Vin Diesel acelerar ao volante de um Dodge elétrico
Texto

Há mais uma razão para ir ao cinema em maio de 2023 ver o novo filme da saga Velocidade Furiosa. Além de ter sido filmado em Portugal e de ter um elenco com dois atores nacionais, Daniela Melchior e Joaquim de Almeida, o Fast X vai trazer para o grande ecrã manobras perigosas ao volante de veículos elétricos.

Desde o início da saga que o Dodge tem sido presença assídua na película e desta vez não vai ser muito diferente. Várias versões do muscle car Dodge Charger têm surgido em cenas estonteantes com Dominic Toretto, a personagem a que Vin Diesel dá vida, ao volante.

Dodge Charger elétrico - AWAY
Dodge Charger Daytona SRT Concept

No novo Fast X, o Charger volta em grande destaque para ajudar a dizer adeus ao Velocidade Furiosa, mas, desta vez, surge com um motor elétrico.

Foi durante as filmagens em Los Angeles, nos Estados Unidos, que se viu pela primeira vez o concept car Dodge Charger Daytona SRT elétrico. O elétrico foi fotografado por várias pessoas ao pé da casa de Dominic Toretto e da loja da personagem, a Bob’s Market.

Apesar de não se ter visto Vin Diesel a conduzir o muscle car elétrico, as localizações são um forte indicativo de que vamos ver o famoso ator a fazer umas quantas manobras perigosas ao volante do concept car sem emissões da Dodge.

De acordo com o site Drive, foi identificado um outro elétrico, este uma completa novidade no Velocidade Furiosa, o novo DeLorean Alpha5. Ainda não se sabe quem vai conduzir este modelo.

DeLorean Alpha5 elétrico - AWAY
DeLorean Alpha5

A DeLorean volta assim ao grande ecrã mais de 35 anos depois de ter levado Marty McFly ao passado no filme Regresso ao Futuro.

 

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Cortiça portuguesa no interior dos elétricos Mobilize
Autocarro português a hidrogénio está a chegar à Europa
Maior central híbrida solar e hidroelétrica de África está a nascer no Gana