Energia

Painéis solares da Tesla poderão acabar antes de chegarem a Portugal

Divisão da Tesla de energia solar está a cancelar projetos nos EUA por estarem a acabar com operações em alguns mercados
Texto

A Tesla está a abandonar os seus projetos de energia solar na área residencial mesmo depois de ter verificado um crescimento no número de encomendas e pedidos.

Apesar de ser conhecida pelos seus veículos elétricos, a marca de Elon Musk tem apostado noutros segmentos, como no da energia solar. Em 2016, adquiriu a empresa SolarCity, mas a nova área de negócio da Tesla acabou por não se desenvolver durante vários anos.

painéis solares Tesla - AWAY
Painéis solares da Tesla

No início de 2022, a divisão solar da Tesla começou a crescer, conseguindo bater um recorde nos Estados Unidos no número de projetos solares residenciais desenvolvidos no segundo trimestre do ano.

A trajetória positiva começou a mostrar sinais de abrandamento durante o verão, altura em que a Tesla parou de aceitar novos trabalhos na área solar e começou a apostar em projetos maiores.

Agora, de acordo com a Electrek, a divisão de energia solar da empresa de Elon Musk tem enviado e-mails aos clientes a cancelar os projetos solares, referindo que estão a acabar com as operações em alguns mercados nos Estados Unidos.

Projetos de energia solar Tesla - AWAY
Tesla está a cancelar projetos solares

Na comunicação enviada aos clientes, a Tesla refere que não terá como dar resposta ao pedido e que irá fazer as devoluções dos valores já pagos.

Os cancelamentos foram feitos tanto a clientes com encomendas de painéis solares e de telhados solares e também a projetos já planeados e aprovados. De acordo com a Electrek, clientes da área de Los Angeles, Norte da Califórnia, Oregon e Florida estão a ser afetados.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Sabias que 1 em cada 4 EV utilizam baterias da Coreia do Sul?
Preço da gasolina e do gasóleo desce na próxima segunda-feira. Vê aqui
Autocarro português a hidrogénio está a chegar à Europa