Energia

Carregadores wallbox da Juice passam a integrar a rede portuguesa Mobi.E

Dispositivos de carregamento fixos Juice Charger me superaram com sucesso os testes de integração e compatibilidade
Juice Carregadores
Juice Carregadores

A rede de mobilidade elétrica Mobi.E vai passar a incluir os dispositivos de carregamento fixo (wallbox) dos suíços da Juice Technology. Com a vantagem de poder ser integrado em qualquer sistema, o equipamento Juice Charger me superou com sucesso todos os testes de compatibilidade e integração, o que lhe permitiu ficar apto para integrar a rede Mobi.E.

A wallbox que agora passa a estar disponível para os portugueses proprietários de veículos elétricos é fornecida totalmente pré-configurada e pronta a ser utilizada. Uma vez conectada à tomada de carga, esta reconhece automaticamente todos os veículos com a capacidade de Plug-and-Charge e começa a carregar de forma imediata, embora tenha também integrado um leitor de identificação por radiofrequência (RFID) para todos os veículos que ainda não suportam a norma ISO 15118.

Os múltiplos postos de carregamento que fazem parte da rede Mobi.E, tal como a wallbox da Juice, estão acessíveis através de um único cartão, o que se revela uma clara vantagem face a outros sistemas e redes europeias. Ao contrário destas, sob a rede Mobi.E estão integrados tanto os Operadores de Pontos de Carregamento, como os Comercializadores de Eletricidade para a Mobilidade Elétrica e os fabricantes.

“As soluções isoladas não contribuem em nada para fazer avançar a mobilidade elétrica. É realmente uma imposição quando os operadores forçam os utilizadores a ter cinco ou dez cartões de carregamento diferentes apenas para pagar a eletricidade. Em vez disso, o que se deseja são ofertas universais orientadas para o que os utilizadores realmente precisam”, frisou Christoph Erni, CEO e fundador da Juice Technology, em comunicado da empresa.

Continuar a ler
Home
Novos radares em Lisboa dia 01 de junho. Sabe aqui onde estão
Cuidado com o calor. Vêm aí máximas de 35 graus!
Sabias que há cidades que podem contribuir para a tua saúde?