Energia

Rússia suspende entregas de eletricidade à Finlândia este sábado

Anúncio no corte no fornecimento ocorre depois de Helsínquia ter anunciado vontade de se juntar à NATO
Texto
Rússia deixa de fornecer eletricidade à Finlândia
Rússia deixa de fornecer eletricidade à Finlândia

A Rússia vai suspender as entregas de eletricidade para a Finlândia a partir de sábado, dia 14 de maio. O anúncio foi feito pelo fornecedor RAO Nordic Oy, que detém a empresa russa InterRAO, e que refere que o corte ocorre devido à falta de pagamento desde 6 de maio.

A suspensão de fornecimento ocorre, assim, num cenário de crescente tensão entre Moscovo e Helsínquia. Na quinta-feira, 12 de maio, a Finlândia, que faz fronteira com a Rússia, anunciou a vontade de se juntar à NATO, uma decisão criticada pelo Kremelin que, de seguida, ameaçou com retaliações.

Em comunicado, a RAO Nordic Oy, que é o principal importador de eletricidade da Rússia para os mercados nórdicos, refere que “esta situação é excecional e ocorre pela primeira vez em mais de 20 anos" e que, por isso, está obrigada a “suspender a importação de eletricidade a partir de 14 de maio”.

Na sequência do anúncio, a operadora da rede elétrica finlandesa, Fingrid, garantiu que pode prescindir das importações de energia da Rússia e que irá compensar aumentando as importações da Suécia e da Noruega.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Plano da União Europeia vai ajudar a salvar as abelhas
Base logística do Intermarché já tem painéis solares fotovoltaicos
Antártida tem um novo iceberg 15 vezes maior do que Lisboa