Energia

Miio facilita carregamento elétrico doméstico com aquisição de VoltCharge

Empresa portuguesa miio que tem operado na área dos carregamentos elétricos na rede pública desde 2019 expande agora negócio
Texto
Miio adquire VoltCharge (Foto: Unsplash)
Miio adquire VoltCharge (Foto: Unsplash)

A miio, empresa portuguesa que atua na área dos carregamentos elétricos, adquiriu a VoltCharge, um projeto de eCommerce que disponibiliza opções de carregamento doméstico para veículos elétricos.

Com esta aquisição, a miio expande a sua área de negócio alem dos carregamentos em rede pública e lança a miio Store de forma a tornar o acesso a wallboxes e ao carregamento elétrico doméstico mais cómodo e simples.

A nova miio Store vai estar disponível nos países onde a empresa opera – Portugal, Espanha e França –, e ajudará os utilizadores a escolherem o equipamento que melhor se adapta às suas necessidades, incluindo todo o processo de instalação.

Miio Store - AWAY
Nova miio Store (Imagem: divulgação)

Esta nova área de negócio surge com o objetivo de simplificar o processo de escolha, aquisição e instalação de equipamentos de carregamento doméstico para veículos elétricos.

Em comunicado, a empresa portuguesa salienta que os recursos humanos da VoltCharge vão ser integrados na miio e que vai haver um reforço da equipa para se expandir o negócio. Até a transição para a miio Store estar concluída, o site da VoltCharge estará funcional.

Em 2023, a empresa a operar na área do carregamento elétrico pretende lançar um software para ambiente doméstico que poderá ser integrado na app miio. Há também planos para entrar em novos mercados.

A miio foi lançada em 2019 com o objetivo de simplificar os carregamentos de veículos elétricos na rede pública. Atualmente, conta com mais de 90 mil utilizadores só em Portugal.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Sabias que 1 em cada 4 EV utilizam baterias da Coreia do Sul?
Preço da gasolina e do gasóleo desce na próxima segunda-feira. Vê aqui
Autocarro português a hidrogénio está a chegar à Europa