Energia

Em breve o teu veículo elétrico poderá carregar sem quaisquer cabos ou fios

Siemens e Mahle juntam-se para identificar lacunas em sistemas de carregamento por indução e ajudar a padronizar a tecnologia
Texto
Siemens e Mahle trabalham em sistemas de carregamento por indução
Siemens e Mahle trabalham em sistemas de carregamento por indução

Com a mobilidade elétrica a ganhar cada vez mais adeptos, é essencial desenvolver mais e melhores infraestruturas de carregamento elétrico. E se hoje em dia é essencial a utilização de cabos ligados a pontos de carregamento para dar energia aos veículos elétricos, os carregamentos por indução poderão ser uma realidade no futuro. Nesse sentido, a Siemens e a Mahle, empresa de partes de automóveis, assinaram uma carta de intenção para colaborarem na área de carregamento por indução de veículos elétricos.

O objetivo da parceria será padronizar os sistemas de carregamento por indução. Para tal, as empresas vão trabalhar para colmatar lacunas de forma a que qualquer veículo elétrico possa ser carregado nestas infraestruturas da mesma forma que é num posto de carregamento elétrico atualmente.

Graças à experiência da Mahle como fornecedor para a indústria automóvel e o conhecimento da Siemens na área de carregamentos elétricos, as duas empresas planeiam fazer troca de ideias de forma a virem a desenvolver um sistema de carregamento por indução para a mobilidade elétrica.

Está também previsto no âmbito da parceria a realização de testes de compatibilidade entre o equipamento de carregamento no veículo e as infraestruturas de forma a melhorar e validar os sistemas de carregamento por indução. Em comunicado, as empresas explicam que alguns dos testes terão financiamento público.

Carregamento elétrico por indução já está a ser testado em vários países

Atualmente, há já vários projetos a testar sistemas de carregamento por indução. Na Áustria, por exemplo, o projeto eTaxi Austria está a apoiar a transição das frotas de táxis e está a testar tecnologia de carregamento elétrico por indução em dez estações em Viena e Graz. Com este sistema, basta o veículo ser parado sobre a placa de carregamento que um conector desce e conecta-se, dando início ao carregamento.

Outra tecnologia interessante que está a ser testada é o carregamento sem fios em estrada. A startup israelita Ectreon tem projetos-piloto na Alemanha, Itália, Suécia e Estados-Unidos em que testa em trechos de estrada um sistema que pode carregar qualquer veículo elétrico enquanto este circula, desde que tenham um recetor próprio instalado na parte inferior.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
TAP encomenda dezenas de BMW enquanto recebe dinheiro do estado
Benfica vs PSG condiciona trânsito em Lisboa. Vê aqui tudo
Comboio de alta velocidade a hidrogénio arranca em Espanha em 2023