Mobilidade

Bizarro e idiota. Elon Musk critica apoio estatal ao hidrogénio

CEO da Tesla parece andar em campanha contra a utilização do hidrogénio na mobilidade
Texto
Elon Musk em conferência em Paris (foto: Chesnot/Getty Images)
Elon Musk em conferência em Paris (foto: Chesnot/Getty Images)

O polémico CEO da Tesla e SpaceX, Elon Musk, voltou à carga na rede social Twitter e acusou de idiotice os apoios que o governo norte-americano tem dado ao desenvolvimento do hidrogénio como solução energética a aplicar na mobilidade.

Elon Musk reiterou o seu desagrado com expressões como "bizarro" e "idiota" referindo-se aos apoios que o Governo norte-americano tem vindo a conferir (desde 2022) para a utilização e desenvolvimento de soluções na área do hidrogénio verde, em resposta a um utilizador da rede social - da qual é dono - que partilhou uma imagem de um camião elétrico Tesla Semi.

Curiosamente o mesmo Elon Musk referiu há menos de três anos que a eletricidade poderia ser a solução para curtas distâncias, mas que seriam necessárias soluções diferentes para transportes de longa distância.

Nos últimos meses, Musk tem vindo publicamente a criticar a administração Biden e o ano passado comentando numa universidade americana algumas considerações sobre produção e armazenamento de energia considerou “a coisa mais estúpida” utilizar o hidrogénio ao invés de baterias elétricas, sublinhando que o "mundo iria escolher baterias elétricas".

A tudo isto não será alheio o facto da empresa californiana ter finalmente lançado o Tesla Semi Truck e colocado ao serviço da PepsiCo cerca de 36 camiões totalmente elétricos. Ou seja, Musk não tem veículos a hidrogénio em circulação ou sequer anunciados…

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Hyundai apresenta primeiro camião a hidrogénio com condução autónoma
Segurança rodoviária: 9 peças de roupa a evitar quando se está ao volante
Projeto português cria vidro que produz eletricidade a partir da luz solar