Fantástico

Drive My Car - Filme japonês vence Óscar 2022 de melhor filme internacional

Um Saab 900 vermelho, um encenador japonês e uma motorista muito especial são personagens centrais do galardoado filme japonês

O Óscar 2022 para Melhor Filme Internacional foi para “Drive My Car” uma produção de Ryusuke Hamaguchi, com Hidetoshi Nishijima e Toko Miura, nos principais papéis. Junto a estes um protagonista imortal: um Saab 900 vermelho que se torna parte fundamental na história.

Não é muito comum ver filmes japoneses que tenham em "papel principal" carros estrangeiros em destaque (e este não é um filme sobre carros, bem entendido). Ainda para mais de uma marca, icónica, mas já defunta, como é o caso da Saab.

Normalmente estaríamos mais habituados à escolha por marcas nipónicas, mas no contexto da história intensa e dramática há uma escolha que demonstra o caráter dramático e excêntrico da personagem principal.

O filme "Drive My Car", depois de premiado em Cannes e agora em Hollywood já estreou em Portugal. Para ver.

Drive my car, a sinopse

Dois anos após a inesperada morte de sua mulher, Yusufe Kafuku (Hidetoshi Nishijima), um prestigiado ator e encenador de cinema, recebe uma oferta de trabalho para dirigir uma produção cinematográfica "O tio Vânia", de Anton Tchekov, para apresentar no festival de cinema de Hiroshima.

Quando chega lá conhece Misaki Watari (Toko Miura) uma mulher com ar introspetivo, designada pela organização do festival para ser a sua motorista, no seu adorado Saab 900 vermelho.

À medida que a estreia da produção se aproxima as tensões acumulam-se entre os atores e equipa e não menos entre Yusuke e Koshi Takatsuki uma estrela de cinema local que tem uma conexão com a falecida mulher de Kafuku.

O confronto de fantasmas do passado e a busca pela verdade levam Yusuke a empreender uma jornada, com a ajuda da sua motorista, para desvendar os mistérios que a sua mulher Oto (Reika Kirishima) deixou. 

Este filme japonês é baseado no conto com o mesmo nome incluído na obra "Men Without Women" (“Homens sem Mulheres”), escrito por Haruki Murakami.

(Fotos: Edko Films/Direitos Reservados)

Continuar a ler
Home
Top Gun: Maverick traz Tom Cruise em nova ação
Garrafas de plástico reciclado vão ser utilizadas na construção de pneus
A diferença que pode fazer uma tampa na garrafa. Vê aqui o projeto da Coca-Cola