Evasão

5 coisas que deves saber antes de viajares de avião

Vais de férias ou em viagem de trabalho? Fica aqui com os nossos principais alertas para viagens de avião

Verão, férias, provavelmente tens finalmente a tua viagem quase a chegar para poderes "fugir" para uns dias de merecido descanso. Mas há 5 coisas que deves mesmo de saber antes de apanhares um avião e a AWAY foi ao programa de informação Esta Manhã da TVI para o explicar.

Não há dúvidas dos benefícios na tua saúde (física e mental) de teres um período de férias, mas quando vais de avião há alguns riscos a considerar.

E atenção porque não falamos de atrasos, cancelamentos ou outros eventos.

5 coisas a registar antes de embarcar

1. CÂIMBRAS

As pessoas que permanecem muito tempo sentadas podem ser alvo de câimbras. Normalmente associadas à prática de exercício a verdade é que as câimbras surgem também na ausência do mesmo, ou seja, em períodos de inatividade dos músculos.

As longas viagens de avião, porque te fazem estar sentado muito tempo com as pernas em má posição, são pródigas em causar câimbras.

Trata-se de uma contração de um músculo, dolorosa, que pode surgir de repente (normalmente nas pernas, pés ou mãos) e que é derivada por más posições ou falta de água no músculo. Para aliviar, normalmente basta realizar alongamento dos músculos na zona afetada.

Como prevenir? Fazer alongamentos antes e depois da viagem e beber bastante água, em especial no período em que estamos inativos.

2. TENSÃO ARTERIAL

Quanto mais alto estás a voar, menos oxigénio o teu organismo consegue ter e menos oxigénio significa probabilidade de teres tensão arterial mais elevada.

Se normalmente tens a tensão baixa ou regular, nada disto te deve afetar, mas se normalmente tens a tensão alta tens de ter cuidado para não desenvolveres hipertensão, que possa levar, no limite, a uma doença coronária ou outra.

Calma, porque se tens a tensão alta não significa que não podes andar de avião, tens apenas de planear tudo com cuidado.

Como prevenir? Se tomas medicamentos não te esqueças de os colocar na tua bagagem de mão. Durante o voo tentar andar pelo avião (assim que autorizado) e evita álcool, snacks salgados ou qualquer espécie de comprimidos.

3. DOR DE OUVIDO

Quando um avião muda de altitude o teu organismo nem sempre consegue reagir da melhor forma à pressão atmosférica, os teus ouvidos têm dificuldade em equilibrar e é frequente sentires uma dor de ouvidos.

Apesar da dor e do desconforto, se não for permanente, ela irá passar quando for restabelecido esse equilíbrio.

Como prevenir? Leva pastilhas elásticas e bebe água a bordo. O facto de mascares a pastilha elástica irá fazer com que os músculos trabalhem e auxiliem no restabelecimento desse equilíbrio.

4. DESIDRATAÇÃO

Os aviões voam com o ar interno num circuito fechado e com pressão controlada. O ar do exterior é purificado. Se isto te parece uma boa ideia, recordamos que quando estás no ar, a humidade do ar baixa para níveis entre 10 a 20% (e mais alto há o fenómeno de ar rarefeito). O teu corpo está habituado a níveis de humidade entre 30 a 65%.

Esta desidratação torna-se evidente e desconfortável quando começas a coçar os olhos com frequência e a sentir a garganta seca.

Como prevenir? Leva água. Sabemos que não podes transportar água no momento do controlo de bagagem, mas nada te impede de levar uma garrafa vazia e atestar após passares o controlo. Se te esqueceste terás que pedir a bordo. Um copo de água não se nega a ninguém.

5. FINALMENTE: O FAMOSO JET LAG

Se és dos afortunados que juntaram uns euros e conseguem fazer uma viagem para um fuso horário diferente do europeu é muito provável que vás sofrer de jet lag.

Os sintomas podem apenas ser cansaço ou sono até o teu organismo habituar-se aos novos horários, mas no limite podes sentir ansiedade, náuseas, entre outros efeitos menos simpáticos. Quanto mais cedo ajustares melhor, mas o que fazer?

Como prevenir? Antes da viagem começa a sincronizar as horas com as horas que vais ter, deita-te mais tarde e levanta-te mais tarde (ou o inverso consoante o fuso para onde vais) e vai reduzindo o impacto no teu corpo. Mas acima de tudo o mais importante é que quando planeares a tua viagem deixes margem para descansar logo no primeiro dia que aterras.

(Vídeo: Esta Manhã/TVI, Foto: Unsplash)

Continuar a ler
Home
Preço dos combustíveis para a próxima semana com nova descida
E-bike analisa o nível de poluição no ar enquanto pedalas
E se fosses de balão ao espaço? Descobre aqui o preço de uma viagem de 6 horas