Atualidade

Portal das finanças hoje ao rubro. Simulador de IRS já disponível

Entrega do IRS arranca a 1 de abril e já podes ter acesso à tua simulação da declaração deste ano
Texto
Entrega de IRS (foto: Nataliya Aitkevich/Pexels)
Entrega de IRS (foto: Nataliya Aitkevich/Pexels)

Já está disponível no Portal das Finanças o simulador que te permite verificar se tens ou não reembolso do IRS este ano. Boas ou má notícias? Acede já e verifica.

A entrega do Imposto Sobre o Rendimento (IRS) só começa amanhã, dia 1 de abril, mas o Ministério das Finanças zeloso das tuas preocupações já disponibilizou o simulador e podes desde já verificar todas as contas e perceber se vais ou não ter um dinheiro extra para as tuas férias.

A entrega da declaração anual do IRS, respeitante aos teus rendimentos auferidos em 2022, tem início dia 1 de abril e prolonga-se até ao próximo dia 30 de junho de 2023.

entrega IRS - away
A entrega de IRS começa a 1 de abril (foto: Rodnae Prod./Pexels)

Como simular o meu reembolso de IRS?

O acesso ao Portal das Finanças é muito simples. Antes de mais, convém alertar de que apenas os contribuintes das categorias A e H (trabalhadores dependentes e pensionistas) tem acesso ao preenchimento automático. É o teu caso? Então tudo é mais simples.

Assim, se tiveres IRS automático basta entrares no Portal das Finanças com o teu login pessoal e encontras de imediato a tua simulação pré-feita na opção IRS automático.

Se for o caso de não teres (ou não optares) por IRS automático, poderás também já a partir de agora aceder e preencher as informações para teres já uma simulação.

Os trabalhadores abrangidos pelo regime simplificado de tributação, ou seja, que emitam faturas ou recibos eletrónicos, poderão também ter já hoje acesso a uma declaração pré-preenchida.

calcular IRS - away
Tens até ao final do dia para verificares despesas familiares não inscritas (foto: Andrea Picquadio/Pexels)

Tenho ainda faturas para reclamar, o que fazer?

A Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) permite-te reclamar todas as despesas familiares não inscritas entre o dia 16 e 31 de março. Ou seja, na verdade, se estás a ler isto agora significa que tens apenas até ao final do dia de hoje, 31 de março, para verificares se os valores estão corretos.

Mesmo após a validação das tuas faturas (que deves ter feito em fevereiro), lapsos do Estado acontecem e por isso deves ter em atenção que omissões de faturas ou quaisquer itens mal catalogados e ausentes das despesas gerais, devem ser cuidadosamente verificados e, se necessário, de imediato reclamados.

É neste momento que deves então ter o cuidado de verificar as tuas despesas gerais, para além das despesas habituais da tua casa (eletricidade, água, gás, operadores móveis) as despesas com combustíveis ou alguns itens que possas ter comprado para o teu carro. Lembra-te que até a pequena árvore com cheirinho pode contar para as tuas despesas gerais, desde que adquirida com NIF.

 

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Hyundai apresenta primeiro camião a hidrogénio com condução autónoma
Segurança rodoviária: 9 peças de roupa a evitar quando se está ao volante
Projeto português cria vidro que produz eletricidade a partir da luz solar