Atualidade

CEO de petrolífera estatal árabe vai presidir à conferência climática COP28

A COP28 realiza-se no final deste ano no Dubai e será um diretor executivo de uma petrolífera a liderar o evento
Texto
Sultão Ahmed al-Jaber, CEO ADNOC (foto: Karim Sahib/AFP via Getty Images)
Sultão Ahmed al-Jaber, CEO ADNOC (foto: Karim Sahib/AFP via Getty Images)

A próxima conferência da Organização das Nações Unidas (ONU) para o clima irá ter lugar no final deste ano no Dubai. Para presidir ao maior evento global dedicado às alterações climáticas foi nomeado Ahmed al-Jaber, CEO de uma das maiores petrolíferas árabes.

A COP28, Conferência Mundial Climática da ONU irá realizar-se no Dubai, Emirados Árabes Unidos (EAU), entre 30 de novembro e 12 de dezembro de 2023 e pretende ser mais um momento de alerta para a necessidade dos países se comprometerem com o combate às alterações climáticas.

Masdar City - away
Rei Carlos III em 2016 visita projeto de Masdar City (foto: Kamran Jebrelli/AP)

A nomeação do sultão Ahmed al-Jaber foi tornada pública hoje, dia 12 de janeiro, por anúncio oficial do Ministro dos Assuntos Presidenciais dos EAU, Mansur bin Zayed al-Nahyan, citado pela Lusa de acordo com noticias oficiais da agência WAM.

Ahmed al-Jaber acumula o cargo de Ministro da Indústria dos EAU, com a presidência executiva da Abu Dhabi National Oil Company (ADNOC), uma das maiores petrolíferas do médio oriente, mas é também conhecido por ter sido um dos impulsionadores do projeto de energias renováveis Masdar City.

Masdar City
Projeto energia solar em Masdar City, 2011 (foto: Kamran Jebreilli/AP)

A Masdar City foi anunciada como um projeto para ter uma cidade sem carros, inteiramente alimentada a energias renováveis, neutra em carbono, num investimento de 22 mil milhões de dólares (cerca de 20,5 mil milhões de euros), nos arredores de Abu Dhabi. A verdade é que após duas crises mundiais (financeira e petrolífera) e agora as consequências da Guerra da Ucrânia, atrasaram o projeto que ainda praticamente não saiu do papel.

Assim não é então de estranhar a nomeação do sultão. Ahmed Al-Jaber mantém a ambição de tornar Masdar City uma realidade e por várias vezes surgiu em conferências a reiterar o compromisso dos Emirados numa intervenção positiva sobre a ação climática e redução da dependência de combustíveis fósseis.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Europa bate recorde de produção de energia eólica e solar
Preço dos combustíveis com forte descida na próxima semana
Radares da PSP para o mês de fevereiro: onde vão estar em todo o país