Atualidade

Aviso amarelo: vai estar um frio de rachar até à próxima quinta-feira

Temperaturas baixas põem dez distritos sob aviso amarelo até quarta-feira e oito até quinta-feira
Texto

Depois de ter colocado 18 distritos de Portugal continental sob aviso amarelo devido ao tempo frio até quarta-feira, 25 de janeiro, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) alargou o aviso até quinta-feira a oito destes distritos.

Bragança, Vila Real, Guarda, Viseu, Castelo Branco, Portalegre, Évora e Beja vão estar sob aviso amarelo até às 06h de quinta-feira, 26 de janeiro, devido à persistência das temperaturas baixas.

Frio - AWAY
18 distritos em alerta amarelo devido ao frio (foto: Thom Holmes/Unsplash)

Viana do Castelo, Braga, Porto, Aveiro, Coimbra, Leiria, Santarém, Lisboa, Setúbal e Faro mantêm-se sob o mesmo alerta até às 07h de quarta-feira.

Na origem das temperaturas baixas está um anticiclone localizado no norte da Europa, “estendendo-se em crista até ao Atlântico” que transporta "uma massa de ar frio continental para a Península Ibérica”, explica o IPMA, citado pela Lusa.

O aviso amarelo, o terceiro menos grave, é emitido pelo IPMA sempre que existe uma situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

Frio - AWAY
Pode haver gelo e neve nas estradas (foto: Ave Calvar/Unsplash)

Devido à situação meteorológica, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) alertou para os potenciais riscos, em particular para as intoxicações por inalação de gases que podem ocorrer por as casas estarem mal ventiladas enquanto se usam lareiras e braseiras, assim como para incêndios.

A ANPEC pede cuidado à população, especialmente às pessoas mais vulneráveis, alertando para o risco de piso escorregadio, eventual formação de lençóis de água e gelo e o aumento do risco associado ao tráfego rodoviário, quer pela queda de neve nas vias, quer pela formação de gelo.

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Plano da União Europeia vai ajudar a salvar as abelhas
Base logística do Intermarché já tem painéis solares fotovoltaicos
Antártida tem um novo iceberg 15 vezes maior do que Lisboa