Atualidade

Barragens e bacias hidrográficas em Portugal com mais água

Últimos dados disponíveis confirmam subida do volume de água armazenado na maioria das bacias hidrográficas
Texto
Barragem Castelo de Bode (DeAgostini/Getty Images)
Barragem Castelo de Bode (DeAgostini/Getty Images)

O volume de água armazenado na maioria da barragens e bacias hidrográficas em Portugal aumentou no último mês de março, de acordo com dados do Sistema Nacional de Informação dos recursos Hídricos (SNIRH).

O aumento verificou-se em nove das 12 bacias hidrográficas, sendo que nas restantes três o volume de água desceu. No último dia de março, oito bacias registavam mesmo uma quantidade de água superior às médias de armazenamento para aquele mês do período de referência (1990/91 a 2021/22).

Barragem - AWAY
Barragem do Cabril (Foto: Andy C./ Flickr)

Das 59 albufeiras monitorizadas pelo SNIRH (a cada bacia hidrográfica pode corresponder mais do que uma albufeira), 36 apresentavam disponibilidades hídricas superiores a 80% do volume total e sete estavam a 40%.

As bacias do Ave com 89,4%, do Tejo com 86,6%, do Douro com 86% e do Cávado com 83,8%, são as que registavam maior volume de água. Pelo contrário, abaixo da média estavam as bacias do Barlavento (13,6%), Mira (36,6%), Arade (40,7%) e Sado (61%).

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Radares da PSP: vê onde vão estar de 15 a 21 de julho
Cidades mais verdes e menos compactas têm taxa de mortalidade mais baixa
Vai nascer mais um troço de ciclovia em Lisboa