Sustentabilidade

Portugal escolhido para integrar programa de reflorestação internacional

Projeto da Mastercard quer plantar 100 milhões de árvores em todo o mundo até 2025 para ajudar a combater alterações climáticas
Texto
Plantar árvores ajuda a compensar emissões de dióxido de carbono
Plantar árvores ajuda a compensar emissões de dióxido de carbono

Portugal é uma das novas 15 regiões do mundo a integrar o Priceless Planet Coalition, um programa da Mastercard focado na reflorestação. Proença-a-Nova foi a localidade escolhida para a plantação de árvores.

Ao todo vão ser reflorestados 37 hectares em Proença-a-Nova, no distrito de Castelo Branco. De acordo com a informação da Mastercard, as árvores escolhidas para a zona são Pinheiros-Bravos, Sobreiros e Medronheiros.

O programa Priceless Planet Coalition, que é liderado pelo Conservation International e World Resources Institute para garantir as melhores práticas de reflorestação, tem a missão de plantar 100 milhões de árvores em todo o mundo até 2025.

Sendo a reflorestação apontada como uma forma eficiente de combater as alterações climáticas, o objetivo do projeto é reflorestar áreas relativamente grandes que possam ter um impacto positivo no clima.

Inicialmente, o projeto incluía apenas a Austrália, o Brasil e o Quénia, mas, graças aos progressos já alcançados, foi possível alargar a intervenção a 15 novos locais, entre eles Camboja, China, Emirados Árabes Unidos, França, Espanha e Portugal.

(Fotos: Unsplash e divulgação)

Continuar a ler
Descobre o teu mundo.
Recebe a nossa newsletter semanal.
Home
Ponte Vasco da Gama encerrada ao trânsito na próxima madrugada
O futuro pode não ter sequer volante e vai ser mais sustentável
Combustíveis: gasóleo e gasolina descem segunda-feira... mas pouco