Sustentabilidade

Descobre o que esta a causar a morte de tubarões-baleia por todo o mundo

Investigadores concluíram que mais de 90% das zonas ocupadas pela espécie se sobrepunha com navios
Navios de carga põe em risco populações de tubarões-baleia
Navios de carga põe em risco populações de tubarões-baleia

O transporte marítimo industrializado representa uma grande ameaça para o tubarão-baleia, podendo estar na origem de um número significativo de mortes em todo o mundo. A conclusão foi partilhada num estudo publicado na revista científica PNAS, em que participaram investigadores de 50 instituições internacionais, entre elas a Universidade do Porto.

De acordo com o Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos (CIBIO-InBIO), da Universidade do Porto, o facto da espécie passar muito tempo à superfície e de formar agregações costeiras, faz com que haja várias colisões mortais com navios.

Os investigadores acreditam que estas colisões possam estar na origem da diminuição do número de tubarões-baleia no mundo, uma espécie agora em perigo de extinção.

Ao longo do estudo, os investigadores seguiram por satélite os movimentos de 350 tubarões-baleia (através do projeto Global Shark Movement) e navios por todo o mundo, tendo identificado que mais de 90% das zonas ocupadas pela espécie se sobrepunha com os trajetos das embarcações.

Estes investigadores esperam que o estudo possa motivar a criação de medidas globais de gestão que permitam proteger as populações de tubarões-baleia, espécie que representa um papel muito importante na regulação dos níveis de zooplâncton nos oceanos e enfrentam um futuro incerto.

(Foto: Unsplash)

Continuar a ler
Home
Novos radares em Lisboa dia 01 de junho. Sabe aqui onde estão
Cuidado com o calor. Vêm aí máximas de 35 graus!
Sabias que há cidades que podem contribuir para a tua saúde?